NOTÍCIAS
28/10/2018 11:13 -03 | Atualizado 28/10/2018 12:31 -03

Bolsonaro vota sob forte esquema de segurança na zona norte do Rio

Seção em que o candidato do PSL votou passou por varredura com equipamentos especiais e cães farejadores.

Reprodução/GloboNews
Candidato do PSL estava acompanhado da esposa, Michelle Bolsonaro.

Jair Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência da República, votou neste domingo (28), às 9h17, na Escola Municipal Rosa da Fonseca, na Vila Militar, situada na zona oeste do Rio. Acompanhado pela mulher, Michelle Bolsonaro, ele entrou na escola pela parte de trás, sem acenar para eleitores que o aguardavam na entrada da zona eleitoral.

Segundo a Folha de S. Paulo, o esquema de segurança do local foi reforçado com grades a presença de efetivos homens e mulheres do Exército, da Polícia Militar e da Polícia Federal, todos fortemente armados.

Mais cedo, a Polícia Federal fez uma varredura na seção em que o candidato votou em busca de bombas ou outros explosivos. Foram usados equipamentos especiais e cães farejadores.

Após votar, Bolsonaro foi questionado por jornalistas sobre a expectativa para este segundo turno. Ele se mantém à frente de Fernando Haddad (PT) nas pesquisas de intenção de voto. "É o que eu vi nas ruas ao longo dos últimos meses: é vitória", respondeu.

De acordo com o G1, houve tumulto na saída de Bolsonaro da zona eleitoral.

O candidato tentou sair pela entrada principal e acenar para seus apoiadores, no entanto, a movimentação resultou em tumulto. Bolsonaro voltou novamente para a área interna do colégio e se retirou do local pelos fundos e com escolta policial.

Líder no último Datafolha

A última pesquisa Datafolha realizada antes do segundo turno da eleição aponta que Jair Bolsonaro (PSL) deve ser o próximo presidente do Brasil. Divulgada na noite deste sábado (27), a sondagem mostra que Bolsonaro tem 55% dos votos válidos contra 45% de Fernando Haddad (PT).

Apesar de a distância entre os candidatos ter diminuído, a diferença do capitão reformado para o ex-prefeito de São Paulo é de 10 pontos — o que o coloca em vantagem para este domingo (28).