NOTÍCIAS
26/10/2018 11:29 -03 | Atualizado 26/10/2018 12:47 -03

Allan e Gabriel Brazão são as novidades de Tite para últimos amistosos da Seleção em 2018

Equipe terá pela frente Uruguai e Camarões nos dias 12 e 20 de novembro, respectivamente. Jogos serão em Londres.

Ciro De Luca / Reuters
Allan é a principal novidade da Seleção para os últimos amistosos do ano.

A Seleção Brasileira fechará a temporada 2018 sem o sonhado hexacampeonato e de olho na próxima competição oficial que terá pela frente: A Copa América, que será disputada no ano que vem em terras verde-amarelas.

Para dar continuidade ao seu segundo ciclo à frente da equipe, o técnico Tite anunciou nesta sexta-feira (26), na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os nomes dos 23 convocados para os dois últimos compromissos do ano. E com novidades.

Allan (Napoli) e o goleiro Gabriel Brazão (Cruzeiro), terceiro a ser chamado desde que a comissão adotou como prática levar um jogador das categorias inferiores para ganhar experiência, são as caras novas da equipe que terá pela frente Uruguai e Camarões nos dias 12 e 20 de novembro, respectivamente, em Londres, na Inglaterra.

A convocação do meio-campista revelado pelo Vasco foi justificada pela comissão técnica como "uma oportunidade".

"Cria impacto. Não são testes, são oportunidades. Meu cargo exige que eu tenha bom senso, que eu projete o que o campeonato é, o que eu gostaria se fosse técnico do clube", comentou Tite, para dar uma descontraída logo na sequência. "O Sylvinho me pressionou para eu convocar o Allan".

Auxiliar de Tite, Sylvinho tomou a palavra e explicou os motivos que o levaram a dar chance ao novato Allan, que também estava sendo sondado para se naturalizar italiano.

"Temos que monitorar esses atletas que aparecem na Europa. Os atletas vão melhorando as condições, depende do time. Precisamos sempre fazer o acompanhamento constante. O Allan está há 7 anos na Europa. É um atleta dinâmico, que se adaptou muito bem a essa função".

Sem nomes do Brasileirão... Ou quase

Ueslei Marcelino / Reuters
Dedé, do Cruzeiro, é o único representante que atua no Brasil na convocação.

A comissão técnica surpreendeu ao não chamar na última lista de 2018 nenhum jogador que atua no Campeonato Brasileiro.

Após receber uma enxurrada de críticas ao convocar atletas que disputariam as semifinais da Copa do Brasil, a comissão técnica da Seleção resolveu evitar polêmicas, já que o Brasileirão está na reta final.

"Falamos sobre jogadores do Campeonato Brasileiro. Decidimos não convocar nenhum que esteja disputando o campeonato. Mas foi discutida com o clube uma convocação específica. O Dedé é o único que estará convocado devido à singularidade do atleta", comentou Edu Gaspar, gerente de seleções, citando nominalmente o atleta do Cruzeiro, único em tais condições a figurar na lista.

Nova espinha dorsal

Stringer . / Reuters
Vitória sobre a Argentina rendeu taça do Superclássico das Américas ao Brasil, do capitão Neymar.

As caras novas de Tite irão se misturar com os jogadores que, aparentemente, formam a espinha dorsal da Seleção pós-Copa da Rússia, pois foram convocados para os quatro amistosos disputados desde então, diante de Estados Unidos, El Salvador, Arábia Saudita e Argentina.

Marquinhos e Neymar, do Paris Saint-Germain, Casemiro, do Real Madrid, Arthur e Philippe Coutinho, do Barcelona, e Richarlison, do Everton, são os nomes que parecem ter agradado mais à comissão no período e que certamente marcarão presença na Copa América no ano que vem.

Confira abaixo a lista completa de Tite

Goleiros: Alisson (Liverpool-ING), Ederson (Manchester City-ING) e Gabriel Brazão (Cruzeiro).

Defensores: Danilo (Manchester City-ING), Dedé (Cruzeiro), Fabinho (Liverpool-ING), Filipe Luis (Atlético de Madri-ESP), Marcelo (Real Madrid-ESP), Marquinhos (Paris Saint-Germain-FRA), Pablo (Bordeaux-FRA) e Miranda (Inter de Milão-ITA).

Meio-campistas: Allan (Napoli-ITA), Arthur (Barcelona-ESP), Paulinho (Guangzhou Evergrande-CHN), Philippe Coutinho (Barcelona-ESP), Casemiro (Real Madrid-ESP) e Walace (Hamburgo-ALE).

Atacantes: Richarlison (Everton-ING), Douglas Costa (Juventus-ITA), Roberto Firmino (Liverpool-ING), Gabriel Jesus (Manchester City-ING), Neymar (Paris Saint-Germain-FRA) e Willian (Chelsea-ING).