NOTÍCIAS
23/10/2018 16:11 -03 | Atualizado 23/10/2018 17:58 -03

Vídeo de orgia é montagem, diz assessoria de João Doria

Vídeo viralizou nos grupos de WhatsApp, e usuários apontam semelhanças com o candidato a governador de São Paulo.

Bloomberg UK
O vídeo do se tornou viral e o nome do político está entre os termos mais comentados no Twitter.

Um vídeo de orgia que mostra um homem e ao menos 4 mulheres viralizou em grupos de WhatsApp na tarde desta terça-feira (23). Usuários apontam semelhança entre o participante e João Doria(PSDB), que lidera as pesquisas neste 2° turno para o cargo de governador de São Paulo.

A assessoria de imprensa do político, no entanto, negou que o homem que aparece nas imagens seja ele. "Já é a terceira fake news de que ele é alvo nesta semana", afirmou a assessoria de Doria ao HuffPost Brasil. "É uma campanha de baixo nível", completou.

Por causa do vídeo, o nome do político está entre os termos mais comentados no Twitter.

A assessoria também afirmou que o vídeo pornográfico é montagem. E acrescentou que não há como atribuir a procedência da "montagem" a Márcio França (PSB), adversário de Doria na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes.

No final da tarde, Doria se pronunciou junto com sua esposa, Bia Doria, sobre o caso e afirmou que pediu a um perito criminal verificar as imagens. "Pedi também medidas judiciais e criminais contra os autores desse vídeo", disse.

Ele aproveitou o pronunciamento para tentar colar, mais uma vez, seu nome ao candidato à Presidência da República pelo PSL: "Jair Bolsonaro tem sofrido ataque também de todos os tipos. Nós resistiremos."