COMIDA
23/10/2018 15:27 -03 | Atualizado 23/10/2018 15:43 -03

Hambúrguer vegetariano tem mais sal do que o de carne, revela pesquisa

Estudo feito no Reino Unido alertou para o consumo de hambúrgueres sem carne encontrados nos supermercados.

nito100 via Getty Images
Hambúrgueres de carne bovina chegavam a ter 2,5 vezes menos sal do que os vegetarianos.

Hambúrgueres vegetarianos são geralmente associados à alimentação saudável. Mas nem sempre substituir a carne é a melhor alternativa.

A organização Action on Salt, criada por um grupo de especialistas da área da saúde da Universidade Queen Mary, em Londres, publicou uma pesquisa mostrando que boa parte dos hambúrgueres vegetarianos e veganos industrializados concentram muito mais sal do que os tradicionais feitos de carne.

Os pesquisadores analisaram cerca de 157 produtos livres de carne no Reino Unido e chegaram à conclusão de que alternativas feitas à base de plantas — que incluem hambúrgueres, salsichas, fatias e "carne moída" vegetarianos — escondem altos níveis de sal na sua composição.

Alguns dos produtos pesquisados chegavam a ter mais sal do que água do mar: uma porção de 100 gramas de fatias de tofu que imita peito de peru da marca Tofurky tinha 3,5 gramas de sal, enquanto a água do mar contém 3,2 gramas de sal na mesma quantidade.

O maior teor médio de sal por 100 gramas foi encontrado no "bacon" vegetariano: ele continha 2,03 gramas de sal, enquanto a "carne fatiada" vegetariana continha 1,56 gramas de sal. O kiev vegetariano, produto originário do "frango à Kiev" (peito de frango recheado), tinha mais sal do que uma porção grande das batatas fritas do McDonald's — franquia de fast-food consierada "vilã" da vida saudável.

E não para por aí: salsichas sem carne (0,96 gramas de sal em 100 gramas do produto) e filés vegetarianos (0,87 g de sal) eram mais salgados do que aqueles amendoins cheios de sal que você costuma comer acompanhado de uma cervejinha.

Entre os hambúrgueres, os de carne bovina chegavam a ter 2,5 vezes menos sal do que os vegetarianos: enquanto 100 gramas do primeiro continha 0,7 gramas de sal, o segundo tinha 1,8 gramas na mesma quantidade.

"Enquanto pesquisas mostram que devemos reduzir a quantidade de carne para diminuir o impacto no ecossistema, a indústria alimentícia aumentou a disponibilidade das alternativas à carne, mas agora precisa diminuir a quantidade de sal — pelo menos deixar equivalente à carne", cobrou Mhairi Brown, nutricionista do Action on Salt. "Essa pesquisa mostra a necessidade urgente da Publich Health England [órgão inglês de Saúde] de rever a estratégia de redução de sal do Reino Unido."

Para Heather Russel, nutricionista do The Vegan Society, dietas veganas bem planejadas, baseadas em grãos integrais, frutas, nozes, sementes e vegetais, trazem benefícios comprovados para a saúde.

"É importante estar ciente de que algumas das alternativas à carne disponíveis atualmente são muito salgadas", alertou Russel. "Cuide do seu coração: sempre verifique os rótulos de alimentos e seu teor de sal."

Se preferir comprar alimentos industrializados, a nutricionista recomenda escolher alimentos com baixo teor de sal, como feijão e grão de bico enlatados em água, manteiga de amendoim pura, nozes e sementes de abóbora sem sal etc.

O estudo foi realizado no Reino Unido com amostras de produtos e marcas comercializados nos supermercados ingleses. Não há estudo similar no Brasil, mas o Ministério da Saúde recomenda o consumo de cerca de 5 gramas de sal por dia -- enquanto consumimos 15 gramas, em média.

Receitas de hambúrguer vegetariano

Já que opções industrializadas podem não ser tão saudáveis quanto imaginávamos, há algumas receitas simples para você fazer em casa e controlar a quantidade de sal. Veja:

Hambúrguer de berinjela, do site Manga Com Pimenta

Para fazer a receita, clique aqui.

Hambúrguer de pinhão, pelo Tempero Alternativo

Siga a receita aqui.

Hambúrguer de shitake

Saiba a receita aqui.

Soja com cenoura, do site Tudo Receitas

JackF via Getty Images