POLÍTICA
16/10/2018 15:49 -03 | Atualizado 16/10/2018 16:24 -03

Sem debate com Bolsonaro, Haddad parte para confronto direto no Twitter

Segundo o petista, "tuitar e fazer live é fácil": "O povo quer ver você na entrevista de emprego."

Reuters
Haddad confronta Bolsonaro no Twitter.

Sem previsão de enfrentar o adversário Jair Bolsonaro (PSL) em um debate ao vivo, o presidenciável Fernando Haddad (PT) resolveu confrontá-lo em um dos ambientes em que a campanha do opositor é mais ativa: nas redes sociais.

Nesta terça-feira (16), o perfil oficial do petista respondeu a um dos tuítes de Bolsonaro e fez o convite: "O povo quer ver você na entrevista de emprego."

Em resposta ao tuíte petista, Bolsonaro sugere que Haddad recebe ordens do ex-presidente Lula quando o visita em Curitiba. E provoca: "Cuidado que pelo desenrolar das notícias você pode ser o próximo."

Essa foi a brecha para Haddad. O petista reforçou o pedido para que Bolsonaro participasse dos debates.

Bolsonaro é o primeiro candidato à presidência a faltar em debates na disputa de 2º turno. A estratégia já foi usada por políticos como Lula e FHC, mas sempre na primeira rodada do pleito.

Em entrevista coletiva no Rio de Janeiro, o militar da reserva admitiu que sua abstenção aos debates é vista como "estratégica".

"Existe a possibilidade, sim, estratégica", admitiu Bolsonaro. "Eu vou debater com um cara que nem poste é? É um fantoche, é um pau mandado. Age como camaleão. As cores do PT agora são verde e amarela", continuou o candidato

De acordo com o Estadão, o candidato do PSL vai passar por uma nova avaliação médica na próxima quinta-feira (18). A equipe de profissionais irá viajar até o Rio de Janeiro para analisar se Bolsonaro poderá ou não participar de futuros debates.