COMPORTAMENTO
02/10/2018 15:54 -03 | Atualizado 02/10/2018 15:55 -03

Por que nos sentimos mais felizes e confiantes quando envelhecemos

Nós sabemos que a sabedoria vem com a idade - e, aparentemente, o mesmo acontece com outras felizes qualidades.

Warchi via Getty Images

Nós sabemos que a sabedoria vem com a idade - e, aparentemente, o mesmo acontece com outras felizes qualidades.

Pesquisas mostram que quanto mais velho você fica, mais seguro e satisfeito você está com si mesmo e coma a vida. Na verdade, aqueles com mais de 60 anos são mais propensos a ser mais felizes e, de acordo com um estudo recente, eles também são mais autoconfiantes do que a maioria das pessoas que ainda estão em suas décadas mais jovens.

Então, qual é o segredo para a felicidade? Infelizmente, não há uma resposta, mas vários fatores. Aqui estão apenas algumas coisas que provavelmente ajudam:

As pessoas mais velhas têm melhor saúde mental

Aqui está um caso em que sua mente pode melhorar com a idade. Em um estudo de 2016, os pesquisadores entrevistaram mais de 1.500 pessoas de todas as idades sobre a sua saúde física, cognitiva e mental. Eles descobriram que os níveis de depressão, ansiedade e estresse eram mais altos entre pessoas de 20 e 30 anos.

Dilip Jeste, psiquiatra e um dos autores do estudo, disse à Time que isso acontece porque quando estamos mais velhos, somos mais capazes de eliminar os gatilhos de estresse do nosso cotidiano, o que aumenta a percepção da felicidade.

Sua vida está mais estável quando você envelhece

Durante aqueles anos de colegial desajeitados e nos 20 e poucos bastante tumultuados, isto provavelmente não é uma surpresa. Um artigo publicado na revista Psychology Bulletin descobriu que os picos de autoconfiança estão por volta dos 60 anos, o que, segundo os autores do estudo, é provavelmente devido a um ambiente mais estável. A essa altura, você pode ter formado relacionamentos sólidos, experimentando a várias posições no trabalho ou ajudado seus filhos a se tornarem adultos confiáveis.

bernardbodo via Getty Images

Ao ficar mais mais velho, a felicidade significa estar contente com o que você tem

Para citar a música "Soak Up the Sun", de Sheryl Crow, felicidade "não é ter o que você quer, é querer o que você tem".

Um estudo descobriu que os participantes mais jovens eram mais propensos a descrever a felicidade como momentos em que eles se sentiam em êxtase ou eufórico, de acordo com a The Atlantic. Aqueles que eram mais velhos descreveram sentir-se felizes quando estavam em paz, calmos ou relaxados, o que está mais enraizado em estar contente com o aqui e agora do que se excitar com o que está pela frente. Essa mudança é provavelmente atribuída ao aumento de sentimentos de conexão com os outros e ao momento atual à medida que você envelhece, de acordo com os autores do estudo.

Seu cérebro pode estar sendo afetado por menos respostas emocionais negativas

A pesquisa de imagens cerebrais publicada em 2004 descobriu que os indivíduos mais velhos apresentavam atividade reduzida em sua amígdala, a área do cérebro associada ao estresse e às respostas emocionais, quando mostravam imagens negativas. Isso pode significar que sua resposta automática a estímulos emocionais negativos pode se tornar mais moderada à medida que você envelhece.

Mas é preciso prestar atenção: Quando se trata de felicidade, muitas pesquisas sobre o assunto que foram conduzidas ao longo do tempo sugerem que geralmente seguimos uma curva em forma de U, significando que a felicidade também está em alta quando você está na casa dos 20 anos, antes de mergulhar na meia-idade e, em seguida, disparar novamente por volta dos 60.

Então, a década da aposentadoria não é a única vez que você atinge seu pico de felicidade, por assim dizer. Esses pontos também não cobrem todas as teorias que cercam o envelhecimento e a felicidade, são apenas alguns estudos sobre o amplo assunto.

Além disso, a verdade é que qualquer um pode aumentar seu sentimento de contentamento ou autoconfiança. Sua idade não necessariamente dita o quanto você é alegre, mas sim seus hábitos (e há muitas coisas que você pode praticar para ajudá-lo a alcançar um estado de felicidade).

Mas, no geral, a pesquisa é digna de nota - especialmente considerando o fato de que muitas pessoas pensam que o envelhecimento é uma experiência negativa mais do que positiva. Apenas uma pequena coisa para ter em mente se você está com medo da quantidade de velas em seu próximo bolo de aniversário.

*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost US e traduzido do inglês.