POLÍTICA
27/09/2018 12:00 -03 | Atualizado 27/09/2018 12:04 -03

Eleições 2018: O que os 13 presidenciáveis propõem para educação

"Ainda não vemos a área educacional como primordial para o desenvolvimento do País em todas as esferas sociais, e nem a enxergamos com a urgência que ela precisa", destaca o Todos pela Educação.

DANIEL RAMALHO/AFP/Getty Images

A queda do Brasil no ranking mundial de educação em ciências, leitura e matemática denuncia o problema que tem sido a educação para o País. De 70 países, o Brasil ficou na 63ª posição em ciências, na 59ª em leitura e na 66ª colocação em matemática.

Os candidatos à Presidência da República estão cientes e, de maneiras diferentes, todos abordam o tema em seus programas de governo. As propostas incluem medidas como revogar a política de teto de gastos, que congela os gastos em áreas como saúde e educação, tornar a carreira de professor mais atrativa e defesa do projeto escola sem partido.

Em artigo ao HuffPost Brasil, o Todos pela Educação reforça que as demais áreas as quais os candidatos prometem melhoras perpassam pela educação. "Não há mais segurança, mais saúde, mais emprego, mais cultura, mais ciência, mais diversidade se não tivermos mais Educação", pontua o movimento.

"Ainda não vemos a área educacional como primordial para o desenvolvimento do País em todas as esferas sociais, e nem a enxergamos com a urgência que ela precisa – o que é absurdo se pensarmos que vivemos em um País onde 55% das crianças não sabem ler e escrever aos 8 e 9 anos de idade. Isso significa que metade dos nossos alunos e alunas não estão avançando na trajetória escolar adequadamente, pois não têm as ferramentas necessárias para aprenderem os conteúdos das séries seguintes", completa.

Aqui estão as propostas de cada candidato:

As propostas de João Goulart Filho para a Educação

As propostas de Vera Lúcia para a Educação

Meirelles quer criar 'Prouni para crianças' e defende escolas sem 'ideologização'

Haddad quer revogar reforma do ensino médio de Temer

As propostas de José Maria Eymael para a Educação

Marina promete ampliar oferta de creches de 30% para 50% das crianças até 3 anos

Ciro quer aumentar repasse da União para a educação básica

João Amoêdo quer prioridade para educação básica

Projeto de Bolsonaro para educação é ensinar 'sem doutrinação e sexualização'

Proposta de Alckmin para educação prioriza ensino infantil e básico

Alvaro Dias: Plano é colocar 100% dos estudantes brasileiros na educação integral