POLÍTICA
05/09/2018 16:55 -03 | Atualizado 05/09/2018 16:55 -03

João Goulart Filho quer revogar todas as reformas de Previdência dos ex-presidentes

Candidato do PPL diz que espera dobrar valor do salário mínimo nos próximos 4 anos.

Agência Senado
Candidato do PPL cita a Reforma da Previdência em alguns pontos de seu Plano de Governo.

João Goulart Filho, candidato do PPL (Partido Pátria Livre) à Presidência da República nas eleições do dia 7 de outubro, não trata especificamente da reforma da Previdência em seu plano de governo. Dois tópicos do documento, entretanto, abordam o tema.

Ao estabelecer como meta dobrar o valor do salário mínimo durante o mandato de 4 anos, Goulart Filho propõe "revogar todas as emendas e leis previdenciárias de FHC, Lula, Dilma e Temer".

No mesmo ponto de seu plano, postado no site oficial do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o filho do ex-presidente João Goulart afirma que irá "extinguir o Fator Previdenciário e a Fórmula 85/95, criados unicamente para reduzir o valor das aposentadorias".

O candidato do PPL informa também que vai revogar a isenção da contribuição previdenciária para o agronegócio como forma de "acabar com a farra das desonerações que elevaram a renúncia fiscal" no País.