22/08/2018 19:29 -03 | Atualizado 22/08/2018 19:37 -03

Raissa e Carol, as diferentonas

O segundo episódio de “Eu sou bonita?” soma o afronte de Raíssa Campos ao brilho de Carol Kyoko para provar que a beleza existe mesmo é na diferença.

Reprodução
Raíssa (à esquerda) e Carol (à direita) mostram que para ser bonita, antes é preciso ser respeitada pela sua beleza e diferença.

Cabelo colorido é bonito? A irreverência das box braids agrada?

Antes de se sentir bonita, é preciso se sentir respeitada. Respeitada para ser livre e expressar sua beleza da maneira que quiser. A construção de nossa imagem é a manifestação exterior de nossa beleza interior, mas escolhas estéticas tão individuais e únicas como um simples corte de cabelo são por muitas vezes o gatilho para julgamento e preconceito.

No segundo episódio da série Eu sou bonita, o afronte das box braids de Raíssa Campos e o brilho do cabelo roxo de Carol Kyoko nos mostram que a verdadeira expressão da beleza só é possível quando há respeito pelas diferenças.

Assista ao segundo episódio da websérie:

Leia mais histórias e relatos sobre beleza aqui

"Eu Sou Bonita" é uma websérie sobre beleza, diversidade e ressignificação feita em parceria com Avon, Think Eva, RYOT e HuffPost Brasil.

Dividida em 5 episódios, a produção traz à tona reflexões sobre os cenários que minam a autoestima da mulher, o valor da pluralidade estética e a beleza que existe em cada uma das brasileiras.

Nessa websérie sobre o que é belo na mulher do século 21, são elas que dão a resposta ao contar suas histórias — tanto em frente quanto atrás das câmeras.Eu Sou Bonita? é dirigido por Luiza de Andrade, tem roteiro de Luísa Guanabara e produção-executiva de Nádia Yacoub.