ENTRETENIMENTO
21/08/2018 13:39 -03 | Atualizado 21/08/2018 18:22 -03

A controversa homenagem de Madonna a Aretha Franklin no VMA 2018

"A homenagem a Aretha Franklin é Madonna falando sobre si mesma eternamente?"

FilmMagic
Madonna completou 60 anos no último dia 16, mesmo dia da morte de Aretha Franklin.

Madonna foi uma das principais atrações do VMA 2018, que aconteceu na noite desta segunda-feira (20), em Nova York, nos Estados Unidos.

Quebrando um jejum de 14 anos sem aparecer na tradicional premiação da MTV, a rainha do pop subiu ao palco não para cantar, mas sim para homenagear Aretha Franklin,que morreu no último dia 16 de agosto - mesmo dia em que Madonna completou 60 anos.

O discurso de 10 minutos foi acompanhando com atenção pela plateia, mas causou controvérsia entre os espectadores nas redes sociais. Isso porque, para muitos, o tributo de Madonna celebrou mais sua ascensão e sucesso na indústria musical do que a trajetória da rainha do soul Aretha Franklin.

Madonna começou seu discurso destacando que Aretha "mudou o rumo" de sua vida. Na sequência, ela passou a falar sobre os bastidores do início de sua carreira, quando, aos 18 anos, deixou Detroit com "35 dólares no bolso" a fim de conquistar o sonho de ser dançarina profissional.

FilmMagic

Depois de um ano sem conquistas, ela decidiu fazer audições para teatro musical – "porque eu sabia que pagava mais". No entanto, foi rejeitada em todas as ocasiões. "Eu não tive os movimentos suficientes, nada era suficiente".

Em seguida, Madonna revelou como sua história se cruzava com Aretha. Foi em um teste com dois produtores franceses para quem ela cantou (You Make Me Feel Like a) Natural Woman, um dos maiores sucessos de Aretha.

Por conta do teste, Madonna conseguiu um trabalho como cantora em Paris, que não lhe rendeu o sucesso almejado. Ela então voltou aos Estados Unidos, onde aprendeu a tocar guitarra, tornando-se posteriormente um dos principais nomes do pop em todo o mundo.

Ao final, ela declarou:

"Nada disso teria acontecido sem nossa dama do soul", disse Madonna. "Ela me trouxe para onde estou hoje e sei que ela influenciou muitas pessoas aqui esta noite. Quero agradecer a você, Aretha, por empoderar todas nós. R.E.S.P.E.I.T.O. Vida longa à rainha."

Assista a um trecho do discurso de Madonna no player abaixo:

Veja algumas reações ao discurso de Madonna postadas pelos espectadores no Twitter:

"A homenagem a Aretha Franklin é Madonna falando sobre si mesma eternamente?"

"Seja quem for no #VMAs que deixou Madonna subir no palco e fazer uma homenagem a @ArethaFranklin ou seja lá o que foi aquilo deveria estar desempregado exatamente... agora."

"Madonna fez uma homenagem a si mesma."

"Como isso foi uma homenagem a @ArethaFranklin #MTV @vmas quando foi tudo sobre a história de Madonna com uma menção de dois segundos à #Aretha? Isso é uma farsa."

ATUALIZAÇÃO:

Na tarde desta terça-feira (21), Madonna se pronunciou sobre a polêmica em torno de seu discurso. Em um post no Instagram, a cantora afirmou que "jamais poderia fazer justiça a Aretha" no "contexto ou ambiente" do VMA.

"Só pra esclarecer: me pediram pra apresentar o Vídeo do Ano pela MTV! E aí eles me perguntaram se eu podia contar alguma história da minha carreira conectada com a Aretha Franklin. Eu dividi parte da minha trajetória e agradeci Aretha por me inspirar nessa jornada. Eu não tinha a intenção de fazer um tributo! Seria impossível em dois minutos, com todo aquele barulho e brilho de uma premiação. Eu jamais poderia fazer justiça a ela nesse contexto ou ambiente.

Infelizmente, a maioria das pessoas prestam pouca atenção e são rápidas em julgar. Eu amo Aretha! R.E.S.P.E.C.T!"

Depois do discurso, Madonna entregou o troféu Artista do Ano para a cantora Camila Cabello.

A seguir, você acompanha a lista de vencedores do VMA 2018:

Clipe do ano - Camila Cabello ft. Young Thug – "Havana"

Artista do ano - Camila Cabello

Música do ano - Post Malone ft. 21 Savage – "rockstar"

Artista revelação - Cardi B

Melhor colaboração - Jennifer Lopez ft. DJ Khaled & Cardi B – "Dinero"

Melhor pop - Ariana Grande – "No Tears Left to Cry"

Melhor hip-hop - Nicki Minaj – "Chun-Li"

Melhor latino - J Balvin, Willy William – "Mi Gente"

Melhor dance - Avicii ft. Rita Ora – "Lonely Together"

Melhor rock - Imagine Dragons – "Whatever It Takes"

Melhor vídeo com mensagem - Childish Gambino – "This Is America"

Melhor fotografia - The Carters – "APES**T" – Benoit Debie

Melhor direção - Childish Gambino – "This Is America" – Hiro Murai

Melhor direção de arte - The Carters – "APES**T" – Jan Houlevigue

Melhores efeitos visuais - Kendrick Lamar & SZA – "All The Stars"

Melhor coreografia - Childish Gambino – "This Is America"

Melhor edição - N.E.R.D & Rihanna – "Lemon"