COMPORTAMENTO
15/08/2018 12:18 -03 | Atualizado 15/08/2018 12:18 -03

Por que Viena foi eleita a melhor cidade do mundo para viver

A cidade austríaca desbancou Melbourne, que estava há 7 anos na liderança do ranking.

Heinz-Peter Bader / Reuters

Viena foi eleita a melhor cidade do mundo para se viver, de acordo com o ranking da The Economist publicado na última terça-feira (14). A capital austríaca desbancou a cidade de Melbourne, na Austrália, que liderava a lista há 7 anos.

Mas o que faz de Viena uma cidade tão especial, além de ser uma cidade recheada de história, arte e música? Bem, a capital tem números quase perfeitos nas métricas de bem-estar.

Em uma pontuação que vai de 1 a 100, a capital marcou 99 pontos. O ranking é feito a partir da análise de 140 cidades em todo o mundo e leva em consideração os critérios de estabilidade, saúde, cultura, educação e infraestrutura.

As 10 melhores cidades do mundo para viver em 2018

1. Viena, Áustria

2. Melbourne, Austrália

3. Osaka, Japão

4. Calgary, Canadá

5. Sydney, Austrália

6. Vancouver, Canadá

7. (empate) Toronto, Canadá

7. (empate) Tóquio, Japão

9. Copenhague, Dinamarca

10. Adelaide, Austrália

População

É a primeira vez que Viena lidera o ranking. De acordo com a Economist, a cidade tem uma população de 1,9 milhões de habitantes, o que é um número relativamente pequeno em comparação com outras metrópoles da lista.

A menor densidade populacional, ainda, "permite mais atividades recreativas sem levar a níveis altos de crime e sem sobrecarregar a infraestrutura", diz o texto do estudo.

O relatório classifica algumas cidades como "vítimas de seu próprio sucesso", que de tão populares sofrem com problemas de trânsito e violência. Isso faz com que Paris ocupe a 19ª posição, Londres a 48º e Nova York a 57º.

Segurança

Fator primordial de análise no relatório, os níveis em segurança melhoraram e foram responsáveis por alavancar Viena na lista. No último ano, após alertas de terrorismo, a cidade promoveu estratégias para lidar com as taxas de violência.

Habitação

Outra vantagem de Viena está em relação aos preços e qualidades de moradias na cidade. A prefeitura austríaca investiu em programas de moradias subsidiadas e isso fez diferença no custo de aluguel em relação a outras capitais europeias.

As 10 piores cidades do mundo para se viver em 2018

1. Damasco, Síria

2. Daca, Bangladesh

3. Lagos, Nigéria

4. Karachi, Paquistão

5. Porto Moresby, Papua-Nova Guiné

6. Harare, Zimbábue

7. Trípoli, Líbia

8. Duala, Camarões

9. Argel, Argélia

10. Dakar, Senegal