POLÍTICA
02/08/2018 15:48 -03 | Atualizado 02/08/2018 18:00 -03

Marina é a maior herdeira de votos de Lula, aponta CNI/Ibope

Pré-candidata da Rede seria maior beneficiária de eleição sem Lula, com 16% dos votos do petista. Ciro herdaria 11%, e Haddad 3%.

Marina Silva (Rede) teria 16% dos votos em Lula em uma eleição sem o ex-presidente, aponta Ibope.
Andre Coelho/Bloomberg/Getty Images
Marina Silva (Rede) teria 16% dos votos em Lula em uma eleição sem o ex-presidente, aponta Ibope.

Se as eleições fossem hoje e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não pudesse concorrer, Marina Silva, pré-candidata da Rede à Presidência, seria a maior herdeira dos votos do petista, de acordo com pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quinta-feira (2).

O levantamento aponta que Marina teria 16% dos votos que seriam direcionados a Lula, seguida de Ciro Gomes (PDT), com 11% dos votos. O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, incluído na pesquisa como candidato alternativo do PT, receberia apenas 3% dos votos.

Oficialmente, o PT não admite a existência de um plano B, mas a Haddad é forte candidato a substituir Lula caso o ex-presidente seja impedido de concorrer pela Lei da Ficha Limpa, que barra candidaturas de condenados em segunda instância. Lula está preso desde 7 de abril e sua condenação por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex em Guarujá (SP) já foi confirmada pelo TRF-4.

No cenário sem Lula, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) lidera a preferência do eleitorado, com 17% dos votos. Na sequência estão Marina, com 13%, Ciro, com 8%, e Geraldo Alckmin (PSDB), com 6%.

Eleição com Lula

Em um cenário em que Lula é o candidato do PT, o ex-presidente lidera com 33% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro (15%) e Marina (7%). Ciro e Alckmin aparecem depois, com 4% das intenções de voto.

A pesquisa, encomendada pela CNI (Confederação Nacional da Indústria), ouviu 2 mil pessoas entre os dias 21 e 24 de junho, informa o Ibope. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.