NOTÍCIAS
25/07/2018 18:04 -03 | Atualizado 25/07/2018 18:05 -03

Por que a Copa da Rússia mal acabou e já estamos com saudades?

Baixo nível técnico dos jogos, ausência do VAR e até rato dentro de campo dão o tom no futebol brasileiro.

Rato invadiu campo no jogo entre Vasco e Bahia e virou atração na volta da Copa.
Reprodução/SporTV
Rato invadiu campo no jogo entre Vasco e Bahia e virou atração na volta da Copa.

A Copa da Rússia acabou há menos de 10 dias, mas a saudade de ver a bola rolando nos gramados europeus já é enorme entre os torcedores brasileiros.

Acostumado a assistir, por cerca de 1 mês, a jogos com nível técnico diferenciado (salvo raras exceções), o apaixonado por futebol, agora, tem que voltar à realidade do Campeonato Brasileiro.

Ao contrário do que aconteceu na Copa, o futebol nacional tem o bom futebol como exceção à regra, e este está cada vez mais raro.

Na rodada do fim de semana do Campeonato Brasileiro, por exemplo, o único jogo que mereceu elogios foi o disputado entre Palmeiras e Atlético-MG, que terminou com vitória dos donos da casa com um gol marcado no último minuto de partida.

De resto, até mesmo os tradicionais clássicos — São Paulo x Corinthians e Flamengo x Botafogo — não apresentaram um nível técnico capaz de agradar a quem realmente aprecia o bom futebol.

Rato em campo

Reprodução/SporTV

O futebol brasileiro também já proporcionou algumas bizarrices atípicas após o fim da Copa do Mundo. Na segunda-feira (17), dia seguinte à inesquecível vitória da França sobre a Croácia na decisão do Mundial da Rússia, uma cena pouco usual marcou o duelo entre Vasco e Bahia, pela Copa do Brasil.

Um rato, que mais parecia um cachorro de tão grande, passeou livremente pelo gramado do estádio de São Januário, durante a partida, e foi flagrado pelas câmeras de televisão, tornando-se imediatamente um meme nacional.

Piada ou não, a verdade é que São Januário, estádio do Vasco, foi palco de outra cena curiosa no domingo (22), desta vez pelo Campeonato Brasileiro.

Depois de um rato invadir o gramado, o clube carioca reforçou a "segurança" e um gato foi flagrado na beira do campo durante a vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio.

Os criadores de memes, novamente, amaram a cena.

Cadê o VAR?

Um dos principais astros da Copa da Rússia foi o árbitro de vídeo (VAR). Suas atuações corrigiram injustiças (pênaltis não marcados pelo árbitro de campo, por exemplo), geraram críticas e elogios, mas, acima de tudo, provaram que a tecnologia é bastante necessária ao futebol.

Friedemann Vogel via Getty Images
"Vagabundo e ladrão": Presidente do Atlético-MG pegou pesado com árbitro Péricles Bassols.

No Brasileirão, o VAR não foi aprovado pelos clubes, que teriam que arcar com os custos gerados por tal tecnologia. O resultado foi imediato, com reclamações de dirigentes e de jogadores sobre a atuação dos árbitros nas duas rodadas realizadas pós-Copa da Rússia.

Na derrota do Atlético-MG para o Palmeiras, por exemplo, o presidente do clube mineiro rotulou o juiz Péricles Bassols com as palavras "vagabundo" e "ladrão".

Mais confusão?

A próxima rodada do Campeonato Brasileiro, a 15ª tem início nesta quarta-feira (25) com 4 partidas. A quinta (26) terá mais 4 duelos realizados. Será que teremos ainda mais saudades da Copa após esses jogos?

Confira a rodada completa:

Quarta-feira

19h30 - Fluminense x Palmeiras

21h00 - Atlético-MG x Paraná

21h45 - Corinthians x Cruzeiro

21h45 - Santos x Flamengo

Quinta-feira

19h30 - Botafogo x Chapecoense

19h30 - Vitória x Sport

19h30 - Grêmio x São Paulo

20h00 - América-MG x Internacional