NOTÍCIAS
15/07/2018 13:52 -03 | Atualizado 16/07/2018 11:44 -03

Copa da Rússia: Mbappé brilha, França goleia Croácia e é bicampeã mundial

Camisa 10 fechou a vitória por 4 a 2 e foi um dos destaques da conquista dos Bleus.

A Croácia bem que tentou, mas não deu. A seleção de Modric, Rakitic e companhia não foi páreo para a França de Griezmann e Mbappé neste domingo (15), na grande final da Copa da Rússia, disputada no estádio Luzhniki, em Moscou.

VI-Images via Getty Images
Franceses comemoram: Vitória por 4 a 2 sobre a Croácia garantiu bicampeonato mundial aos Bleus.

O favoritismo dado aos franceses antes de a bola rolar foi confirmado e Kylian Mbappé comandou a equipe na vitória por 4 a 2, que deu aos Bleus o bicampeonato mundial - o primeiro foi conquistado em 1998.

A vitória elevou a França ao mesmo patamar de Uruguai e Argentina, também detentores de duas Copas do Mundo. A Croácia deixa a Copa com a certeza de que já escreveu seu nome na História e na esperança de uma melhor sorte no Quatar, em 2022.

Final agitada

A decisão deste domingo em Moscou teve de tudo um pouco: Falha de arbitragem, interferência do VAR (árbitro de vídeo), gol contra, falha de goleiro e gol de candidato a melhor do mundo.

Michael Regan - FIFA via Getty Images
Alertado pelo VAR, árbitro Nestor Pitana observa o monitor e decide marcar pênalti a favor da França.

O primeiro gol se originou de uma jogada polêmica. Griezmann se atirou ao chão na entrada da área croata e a arbitragem assinalou falta - apesar de o defensor não ter encostado no atacante.

O VAR (árbitro de vídeo) não se manifestou - pois não pode ser acionado nessa situação - e, na cobrança do próprio Griezmann, a bola desviou na cabeça do atacante Mandzukic e entrou: Gol contra.

Pouco depois de a Croácia alcançar a igualdade com um golaço de Perisic, o VAR voltou à cena. Depois de cobrança de escanteio, a bola bateu no braço de Perisic, que não estava colado ao corpo.

Assista ao editor do Yahoo! Sports, Fernando Olivieri, direto da Rússia: