COMIDA
13/07/2018 17:00 -03 | Atualizado 13/07/2018 17:05 -03

Os vinhos perfeitos para o inverno — e com quais comidas harmonizá-los

Do fondue de queijo à pipoca com Netflix: desvendamos os vinhos que combinam com o friozinho e comidas típicas da estação. 🍷

Vinho combina com quase todas ocasiões, desde um bar com amigos até um jantar com a família. Com o friozinho do inverno, alguns rótulos ganham ainda mais destaque.
Getty Images/iStockphoto
Vinho combina com quase todas ocasiões, desde um bar com amigos até um jantar com a família. Com o friozinho do inverno, alguns rótulos ganham ainda mais destaque.

Com a chegada das baixas temperaturas, nada melhor do que degustar um bom vinho acompanhado de um fondue ou uma tábua de queijos e frios.

Vinho combina com quase todas ocasiões, desde um bar com amigos até um jantar com a família. Com o friozinho do inverno, alguns rótulos ganham ainda mais destaque.

"Em tempos mais frios a tendência é sentirmos fome de alimentos gordurosos. Por isso, um vinho mais potente deve calhar melhor com esses momentos", explica Natália Cacioli, sommelier da plataforma de vinhos Evino. Ela recomenda vinhos fortificados como os Portos, Marsala, Moscatel -- aqueles que têm maior teor alcoólico, pois ajudam a aquecer a temperatura do corpo.

Vinhos tintos mais encorpados, acrescenta o sommelier da Decanter, Sidney Lucas, podem acompanhar refeições com massas frescas e molhos cremosos de queijos, arroz de forno, frango cremoso gratinado, além de embutidos portugueses, como chouriços, alheiras e salames.

De acordo com Natália, estes vinhos geralmente combinam com alimentos que têm sal e gordura -- o que explica porque a combinação queijo e vinho faz tanto sucesso.

Se a ideia é fazer uma noite de fondue, vinhos brancos secos jovens ou com breve passagem em barricas, como Chardonnay e Rioja, são boas opções.

"As pessoas investem mais em vinho tinto do que branco quando o assunto é queijo. Mas elas não sabem que é bem fácil harmonizar esse cardápio com um rótulo branco - justamente porque a acidez desses vinhos faz toda a diferença no sabor", explica Natália.

Já quando o assunto é sopa, as combinações mudam de acordo com o seu sabor. Se é caldo verde, Natália sugere vinho tinto português. Já o caldo de legumes ou de cebola vai muito bem com Sauvignon Blanc. Se a pedida é um caldinho de feijão, a melhor escolha é um Syrah jovem.

E, saiba que também há harmonização para a combinação série + pipoca + cobertor. Segundo Natália, vinho rosé ou branco com breve passagem em carvalho harmonizam muito bem com este momento. "A dica é evitar vinhos com um teor alcoólico muito alto, pois o álcool acentua ainda mais o sabor do sal".

Para aqueles que não vivem sem seu brigadeiro de panela, a sommelièr sugere atenção aos vinhos que dão conta de tanto açúcar. Por isso, vinhos doces, como o Porto, são certeiros. Também combinam vinho tinto Syrah e um português da região do Douro. "Aposto que vai se surpreender", finaliza Natália, do Evino.

Agora que você sabe tudo sobre vinhos para o inverno e suas harmonizações, bora aproveitar (com moderação!).