ENTRETENIMENTO
04/07/2018 18:14 -03 | Atualizado 04/07/2018 19:03 -03

'Mulheres Alteradas', a comédia romântica que leva obra da cartunista Maitena para o cinema

Maria Casadeval, Monica Iozzi, Alessandra Negrini e Deborah Secco são as protagonistas em crise do 1º longa de Luis Pinheiro.

Divulgação
Alessandra Negrini interpreta a advogada Marinati na comédia 'Mulheres Alteradas'.

Quatro mulheres que vivenciam diferentes crises, dúvidas e aspirações protagonizam Mulheres Alteradas, comédia romântica que chega nesta quinta-feira (5) aos cinemas. O filme é estrelado por Maria Casadeval, Monica Iozzi, Alessandra Negrini e Deborah Secco e transporta pela primeira vez para a telona a obra da cartunista argentina Maitena.

"Os quadrinhos não tem personagens, tem situações estanques. A adaptação foi um trabalho do roteirista com os produtores e o diretor. Decidimos por quatro personagens, com algumas questões abordadas pela Maitena: casamento, trabalho, filhos e idade", explica a produtora Andrea Barata Ribeiro.

Cortante e bem-humorada, a arte de Maitena fez estrondoso sucesso editorial anos 1990 e é hoje celebrada em todo o mundo. O responsável pelo roteiro que reúne as discussões presentes na obra da artista argentina é o cartunista paulistano Caco Galhardo. A direção é de Luis Pinheiro (Samantha!), que faz sua estreia na direção de um longa-metragem.

"Os quadrinhos da Maitena são bem feministas. É claro que o feminismo da década de 90 para cá mudou muito, mas ela foi e ainda é uma figura importante na questão das mulheres nessa área de HQs", destacou Monica Iozzi no programa Altas Horas.

A atriz interpreta Sônia, uma mulher casada e mãe de dois filhos, que se vê em conflito com o desejo de curtir uma noitada sem maiores preocupações. Leandra (Maria Casadeval) é irmã mais nova de Sônia e vive uma crise oposta: aos 30, ela não aguenta mais a rotina de baladas e planeja construir uma família.

Ambas são amigas de Marinati (Alessandra Negrini), uma advogada workaholic que fica na dúvida entre continuar dedicando-se à carreira ou se entregar a uma inesperada paixão; e Keka (Deborah Secco), que está em crise no casamento e planeja salvá-lo com uma viagem romântica a dois.

Os dilemas e conflitos dessas quatro mulheres contemporâneas são apresentados a partir de uma frase de Maitena, que serve como norte para a trama. "Mulher alterada não é louca, é uma pessoa que está mudando". "No final, todo mundo acaba se identificando pelo menos com uma das personagens. Eu me identifico com as quatro", afirmou Monica Iozzi.

Além do núcleo de protagonistas, o elenco traz também Sérgio Guizé, Daniel Boaventura, além das participações especiais de Stepan Nercessian, Mário Gomes, Patrycya Travassos e Sueli Franco.

Assista ao trailer de Mulheres Alteradas:

Photo galleryOs 25 melhores filmes dos últimos 25 anos segundo o IMDB See Gallery