NOTÍCIAS
02/07/2018 07:56 -03 | Atualizado 02/07/2018 07:56 -03

Neymar ganha incentivo extra para ajudar Seleção Brasileira na Copa sem Messi nem Cristiano Ronaldo em campo

Título na Copa da Rússia pode ajudar camisa 10 a realizar sonho de ser eleito melhor do mundo pela Fifa.

Neymar cobiça Bola de Ouro como melhor jogador de futebol do mundo.
David Gray / Reuters
Neymar cobiça Bola de Ouro como melhor jogador de futebol do mundo.

Neymar começou a Copa da Rússia sem estar 100% fisicamente e só conseguiu apresentar um futebol de alto nível na terceira partida da fase de grupos, quando a Seleção Brasileirabateu a Sérvia por 2 a 0.

Nesta segunda-feira (2), diante do México, pelas oitavas de final, o camisa 10 terá papel fundamental para manter o sonho de conquistar o hexa aceso para a torcida brasileira. E ganhou, neste fim de semana, um incentivo extra — ou melhor, dois.

As eliminações de Argentina e Portugal para França e Uruguai, respectivamente, podem ajudar Neymar a realizar um velho sonho: conquistar o prêmio de melhor jogador do mundo oferecido pela Fifa, em dezembro. E por quê?

Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, principais rivais do brasileiro na corrida pela Bola de Ouro, voltaram para casa com suas respectivas seleções, abrindo caminho para o camisa 10 assumir o papel de principal protagonista da Copa e aumentar suas chances de superar o argentino e o português na eleição da Fifa.

Luta de Neymar contra longo jejum

O Brasil não tem um jogador eleito melhor do mundo desde 2007, quando Kaká, à época defendendo o Milan, levou o troféu superando justamente Lionel Messi e Cristiano Ronaldo.

De lá para cá, Cristiano Ronaldo e Messi conquistaram 5 Bolas de Ouro cada um, monopolizando a premiação. Neymar ficou na terceira posição na última temporada.

Mbappe, um francês no caminho de Neymar

O mesmo fim de semana que deu as boas notícias a Neymar também colocou uma nova "pedra" no caminho do camisa 10 da Seleção. E que pode atrapalhar a realização do seu sonho.

SAEED KHAN via Getty Images
Kylian Mbappe é companheiro de Neymar no PSG, mas rival na Copa e pelo Prêmio Melhor do Mundo.

Kylian Mbappe, camisa 10 da França, brilhou na vitória por 4 a 3 sobre a Argentina e mostrou que está pronto para conquistar o cobiçado prêmio da Fifa.

O jogador foi eleito Golden Boy — a Bola de Ouro para atletas com menos de 21 anos — de 2017 e, aos 19 anos, parece pronto para incomodar os melhores do planeta já nesta temporada.

Por ironia do destino, Mbappe é companheiro de Neymar no PSG... E pode cruzar o caminho do companheiro também nas semifinais da Copa da Rússia. É esperar para ver.

Assista ao editor do Yahoo! Sports, Fernando Olivieri, direto da Rússia