NOTÍCIAS
17/06/2018 17:50 -03 | Atualizado 17/06/2018 17:50 -03

Neymar completa 3 anos de invencibilidade com camisa da Seleção após empate com Suíça

Camisa 10 não perde um jogo pela equipe nacional desde 17 de junho de 2015.

Neymar não foi brilhante como em outros jogos, mas manteve longa invencibilidade com a camisa da Seleção.
Damir Sagolj / Reuters
Neymar não foi brilhante como em outros jogos, mas manteve longa invencibilidade com a camisa da Seleção.

A Seleção Brasileira teve a estreia na Copa da Rússia prejudicada pelo árbitro mexicano Cesar Ramos neste domingo (17), na Arena Rostov.

O empate por 1 a 1 frustrou os torcedores, mas teve seu lado positivo, ao menos para um dos atletas da equipe comandada por Tite: Neymar.

O camisa 10 completou exatos três anos de invencibilidade om a camisa verde-amarela, marca bastante difícil de ser alcançada.

A última derrota de Neymar defendendo a Seleção Brasileira aconteceu na Copa América do Chile, em 17 de junho de 2015.

Na ocasião, a Seleção Brasileira, comandada por Dunga, sucumbiu perante a Colômbia – 1 a 0 – e ainda perdeu o craque por uma sequência de jogos. Expulso após discutir com um colombiano, foi suspenso pela Fifa e desfalcou o Brasil nos compromissos seguintes pelas Eliminatórias.

A derrota diante da Colômbia, aliás, é a única de Neymar em jogos oficiais pela Seleção – sem contar amistosos. Na Copa de 2014, o camisa 10 se contundiu contra a Colômbia e não esteve em campo nas derrotas para Alemanha (semifinal) e Holanda (disputa do 3º lugar).