COMIDA
14/05/2018 09:25 -03 | Atualizado 14/05/2018 09:25 -03

Família denuncia restaurante espanhol por mensagem encontrada na conta

“O que começou como um lanche agradável em família acabou em confusão com nossos filhos”, disse a mãe.

A imagem mostra uma conta normal: 9,10 euros por três croissants, dois cafés com leite, um suco grande, uma Coca-Cola, um café simples e "um suplemento".
georgeclerk via Getty Images
A imagem mostra uma conta normal: 9,10 euros por três croissants, dois cafés com leite, um suco grande, uma Coca-Cola, um café simples e "um suplemento".

É o que um cliente menos espera encontrar ao receber a conta num restaurante. Uma família de Logroño diz que a conta que lhe foi entregue tinha, na parte superior do tíquete, a frase "crianças repulsivas", escrita à mão.

A imagem, publicada pelo jornal La Rioja e que pode ser vista neste link, mostra uma conta normal: 9,10 euros por três croissants, dois cafés com leite, um suco grande, uma Coca-Cola, um café simples e "um suplemento".

Mas, na parte de cima, aparece a mensagem, escrita com caneta azul: "crianças repulsivas". O La Rioja afirma que a família denunciou o restaurante às autoridades de defesa do consumidor por um "insulto" aos filhos e à família. A reclamação foi registrada pela Direção Geral de Justiça e Interior.

"O que começou como um lanche agradável em família acabou em confusão com nossos filhos", disse a mãe ao jornal. A mulher afirma que o recado a surpreendeu, pois seus filhos estavam comportados. Quando ela pediu explicações, os funcionários disseram apenas que era "coisa entre elas" – as garçonetes.

Os responsáveis pelo estabelecimento explicaram ao La Rioja que pediram desculpas à família, mas que ela não respondeu de forma razoável. "As garçonetes aproveitaram minha ausência para fazer piada com os colegas, que chamam de 'crianças' – um deles tem 18 anos --, pois eles eram os encarregados de cobrar a conta da mesa. Também há uma 'bruxa prostituta', por exemplo", disse a dona do negócio.

*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost Espanha e traduzido do espanhol.