COMIDA
07/03/2018 14:13 -03 | Atualizado 07/03/2018 14:17 -03

Páscoa deve empregar 54 mil temporários neste ano

Expectativa é que comércio e indústria empreguem 9% mais trabalhadores do que no ano passado.

Entre as vagas ofertadas, 33% são para contratos acima de 91 dias.
NurPhoto via Getty Images
Entre as vagas ofertadas, 33% são para contratos acima de 91 dias.

Uma das datas comemorativas preferidas do comércio, a Páscoa deve movimentar também o mercado de trabalho neste ano. A expectativa é que as vendas dos ovos de chocolate gerem pelo menos 54 mil empregos temporários contratados até abril deste ano. O número representa alta de 9% em relação ao ano anterior.

As informações são da pesquisa encomendada pela Fenaserhtt (Federação Nacional dos Sindicatos de Empresas de Recursos Humanos, Trabalho Temporário e Terceirizado) e pelo Sindeprestem (federação nacional e sindicato paulista do setor) ao Centro Nacional de Modernização Empresarial (Cenam).

Das 53 mil vagas, 17 mil já foram preenchidas na indústria de chocolate (responsável por 38% das contratações) e 30 mil vagas já foram destinadas ao comércio (62% dos postos temporários). Ainda existem, porém, cerca de 7 mil vagas abertas em todo o Brasil.

Entre as vagas ofertadas, 33% são para contratos acima de 91 dias, 30% de 31 a 60 dias, 30% de 61 a 90 dias e 7% para menos de 7%. Entre as funções requisitadas estão repositor, vendedor, balconista e degustador. Os salários variam de R$ 1.100 a R$ 2.750.