ENTRETENIMENTO
09/02/2018 14:56 -02 | Atualizado 10/02/2018 13:12 -02

Há 10 anos, Amy Winehouse emocionava a todos com sua performance no Grammy

Saudades, Amy! ❤

Amy Winehouse durante o Grammy, em 2008.
Mike Blake / Reuters
Amy Winehouse durante o Grammy, em 2008.

Há 10 anos, Amy Winehouse brilhava (e emocionava a todos) no Grammy.

Em 10 de fevereiro de 2008 ela levou troféus em cinco das seis categorias em que concorria na 50ª edição da premiação.

Aquela cerimônia foi a consagração da britânica, que já fazia sucesso em todo o mundo com seu segundo álbum, a obra-prima Back to Black.

O disco havia sido lançado dois anos antes, mas só pôde competir em 2008 por conta de regras específicas de calendário da premiação.

Em um dos vários momentos conturbados de sua curta carreira, Amy teve o visto para entrar nos EUA negado e comparecer à premiação. Nessa época, ela havia entrado em um programa de reabilitação por conta do uso abusivo de drogas.

A decisão foi revogada, mas na época a cantora mão havia tempo hábil para se apresentar em Los Angeles.

Mas Amy se fez presente. Direto de Londres, ela cantou dois grandes sucessos: You Know I'm No Good e Rehab.

Naquela noite, Amy ganhou os troféus de Canção do Ano, Artista Revelação, Melhor Álbum Pop e Melhor Interpretação Vocal Feminina Pop.

Mas o momento mais emocionante da cerimônia foi quando Tony Bennet, um dos maiores ídolos de Amy, e Natalie Cole revelaram o vencedor na categoria Gravação do Ano.

A expressão de Amy Winehouse é completamente surpreendente.

Relembre abaixo:

Saudades, Amy!

Photo galleryAmy Winehouse antes da fama See Gallery