ENTRETENIMENTO
16/01/2018 18:51 -02 | Atualizado 17/01/2018 13:40 -02

Expecto Patronum! Existe um curso em SP pra você entender a magia de 'Harry Potter'

'Harry Potter - Uma História de Magia' será ministrado no MIS-SP.

Getty Images

Por que a saga Harry Potter se tornou um fenômeno mundial na literatura e no cinema? Por que a obra de J.K. Rowling conquistou tantos fãs ao redor do mundo tornando-se um clássico instantâneo? Por que crianças e adultos ainda discutem as tramas presentes nos sete livros com tanto empolgação e carinho?

Essas e outras perguntas serão discutidas no curso Harry Potter – Uma História de Magia, ministrado pela pesquisadora Cláudia Fusco - entre os dias 19 de fevereiro e 15 de março - no Museu da Imagem e do Som (MIS) de São Paulo.

Voltado para fãs bruxinho e interessados em literatura no geral, o programa é composto por cinco encontros de duas horas e meia de duração cada. "Irei abordar aspectos que muitas vezes ficam de fora de uma primeira leitura sobre os livros de Rowling: os aspectos sociais, culturais, políticos e filosóficos em Harry Potter", conta Cláudia ao HuffPost Brasil.

Getty Images

Jornalista e mestre em Science Fiction Studies pela Universidade de Liverpool, Inglaterra, Cláudia defende que a obra de J.K. Rowlling vai além de entretenimento para o público infantojuvenil. Essa aspecto mais profundo se dá na forma como a autora "desmancha" e "questiona" a ideia do que é ser um bruxo.

Para a pesquisadora, essa abordagem da autora britânica é "revolucionária", uma vez que a sociedade ocidental ainda lida com o conceito de magia de forma estigmatizada.

"O que a Rowling faz é depositar a magia em um contexto diferente do qual estamos habituados: enquanto muitas histórias tradicionais trazem bruxos e bruxas completamente isolados, em Harry Potter enxergamos a magia como uma função social, um termômetro moral da sociedade. Isso levanta debates fantásticos", explica.

PA Images via Getty Images

Sobre o estrondoso sucesso da saga - que vendeu mais de 400 milhões exemplares em todo o mundo (3 milhões deles só no Brasil) -, Cláudia diz que a explicação mora numa "combinação enorme de fatores".

"Sorte e talento com as palavras sem dúvida estão nele, mas também a criação de um ambiente mágico, onde liberdade e amizade são valorizados em níveis iguais, é o sonho de qualquer sociedade", comenta.

"É por isso que mergulhamos na fantasia, para início de conversa: não necessariamente como um escape, mas um vislumbre de realidades melhores, ou pelo menos diferentes. Enquanto pudermos imaginar mundos melhores, seremos capazes de construí-los, a muitas mãos", finaliza.

WireImage

O quinto e último encontro do curso tem um título curioso: Harry Potter e os Segredos da Morte.

Cláudia explica que esse módulo surgiu por conta da forma especial e delicada que a saga aborda a questão questão da morte. "Isso vem muito da autora, que construiu essa história motivada pelo amor à mãe que faleceu enquanto ela escrevia, e traz reflexões que estão muito em voga a discussões sobre o significado da morte", diz.

Para quem acha que nessa aula haverá especulações sobre o que acontece depois da que se bate as botas, a pesquisadora alerta: "Acredito que os alunos podem esperar mais discussões sobre o que é viver, afinal (e o que faz a vida valer a pena, segundo Harry Potter) do que teorias sobre o que aguarda do outro lado".

SERVIÇO:

Oficina - Harry Potter: Uma História de Magia

De 19/02 a 05/03

Segundas e quartas, das 19h30 às 22h.

Investimento: R$100

Mais informações estão disponíveis em http://www.mis-sp.org.br.

Photo galleryAs 15 frases mais grifadas dos livros de 'Harry Potter' See Gallery