Correção: Eliminar alimentos processados do cardápio não te deixa mais saudável, diz estudo

Estudo afirma não haver evidência científica suficiente para recomendar que a população reduza o consumo de processados.

O HuffPost Brasil errou ao publicar este texto.

Embora tratasse de um estudo publicado pela American Society for Nutrition, faltou a transparência com os leitores de que a pesquisa foi conduzida por um consultor da Nestlé.

Apesar de ser doutora em Nutrição pela USP e membro do Conselho Regional de Nutricionistas de São Paulo, a fonte entrevistada pelo HuffPost também presta consultoria para a empresa no Brasil.

Com esse claro conflito de interesses, o texto só poderia ir ao ar se outros nutricionistas fossem ouvidos pela reportagem — até para confrontar o resultado dessa pesquisa.

Dessa forma, pedimos desculpas por veicular este texto sem que fossem observados todos os processos de produção jornalística que asseguram a credibilidade da informação.

17 alimentos que podem ajudar a viver mais