NOTÍCIAS
31/03/2016 15:58 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Após rompimento do PMDB, Temer finalmente se pronuncia e diz que 'poder é do povo'

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Em silêncio desde o rompimento oficial do PMDB com o governo, o vice-presidente da República Michel Temer se pronunciou pela primeira vez na tarde desta quinta-feira (31), em sua página no Twitter.

Primeiramente, Temer procurou relembrar a sua carreira dedicada ao Direito Constitucional, a fim de afastar de si as acusações de que seria o ‘capitão do golpe’, atribuída a ele por pessoas ligadas ao governo da presidente Dilma Rousseff (PT).

O vice de Dilma, que também é presidente do PMDB, também procurou ressaltar o 'respeito às instituições', dizendo que não tentaria interferir na Operação Lava Jato - os nomes de peemedebistas, incluindo o de Temer, foram levantados por delatores como beneficiários do esquema de corrupção na Petrobras.

Temer ainda tentou minimizar que anseia pelo poder...

Negando ainda as notícias que deram conta de uma suposta coalizão PMDB-PSDB, em marcha tão logo fosse confirmado o impeachment da petista, alçando Temer ao Palácio do Planalto.