POLÍTICA
17/03/2016 18:49 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Artistas se reúnem em vídeo e convocam para manifestações em defesa da democracia

Um protesto batizado de "nas ruas, contra o golpe, em defesa da democracia", organizado pela Frente Brasil Popular, deve acontecer em todos os estados do País nesta sexta-feira (18).

Artistas favoráveis ao protestos participaram de um vídeo chamando a população a participar do ato. Entre eles, Monica Iozzi, Letícia Sabatella, Laerte e Chico César.

Entre as bandeiras levantadas pelo grupo estão a "defesa da democracia, dos direitos dos trabalhadores e contra o golpe", de acordo com a descrição do evento na rede social.

Capitais como Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Maceió, Rio Branco, Macapá, Santa Catarina, Fortaleza e Brasília já tem locais marcados para o protesto. Na capital paulista, a manifestação está marcada para a partir das 16h no vão do Masp, na avenida Paulista.

A manifestação na capital paulista também contará com transmissão ao vivo pela internet, com link divulgado no próprio evento.

No manifesto, que se declara apartidário, os artistas participantes questionam:

"Se todo mundo é contra a corrupção por que ela continua?"

#TodosPelaDemocracia

A imprensa e o judiciário não podem atuar como partido político.O que está em jogo é algo muito mais importante do que quem ocupará a Presidência da República. O que está em jogo é a própria democracia, a estabilidade do país e todas as instituições do Estado. #GolpeNuncaMais #TodosPelaDemocracia #JuntosPeloBrasil #MaisAmorMenosGolpeDia 18 vamos para rua pela democracia. Confirme sua presença no evento: http://on.fb.me/1RdmScE

Publicado por Petra Costa em Quarta, 16 de março de 2016

E problematizam:

"Se diz contra a corrupção, mas só é contra a corrupção dos outros. No Brasil, o combate à corrupção já foi usado como justificativa para muitos abusos. Em 1964, a Ditadura Militar derrubou o governo eleito falando contra a corrupção."

Em reforço às manifestações em defesa pela democracia, outro vídeo, mais irônico e mais crítico, está circulando nas redes.

José de Abreu, vestido de camiseta com símbolo do Brasil, é taxativo na sua fala:

“- O Brasil é meu!

-Teu? Mas é meu também. Eu quero que acabe a sua corrupção e a minha. Do jeito que a coisa está acontecendo, eles não querem acabar com a corrupção. Eles querem acabar com uma ideologia, com um partido político e com o maior líder que este país já teve.”

De camiseta divertida com a frase “Ser ou não ser? Sei lá”, Tonico Pereira endossa o coro:

“Não sejam enganados. Isso que querem fazer vir não pode ser o nosso futuro. Um homem não existe sem a sua liberdade”.

O Brasil é meu também!

O Brasil é meu também!Eu quero que acabe a minha corrupção e a sua corrupção!Vamos para as ruas dia 18, confirme sua presença no evento: http://on.fb.me/1RdmScE#TodosPelaDemocracia #NãoVaiTerGolpe

Publicado por NINJA em Quinta, 17 de março de 2016

Foram criadas as hastags #nãovaitergolpe, #todospelademocracia, #golpenuncamais e #juntospeloBrasil para fortalecer a divulgação do movimento.

Dia 18 Todos na Rua Pela Democracia

Bora compartilhar amplamente!! Vamos tomar as Ruas!!Confirme sua presença no evento http://on.fb.me/1RdmScE#TodosPelaDemocracia #NãoVaiTerGolpe

Publicado por TV Poeira em Quinta, 17 de março de 2016