NOTÍCIAS
13/03/2016 17:55 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:40 -02

Protesto do 13 de março em SP é maior que Diretas Já, diz Datafolha

Rovena Rosa/ Agência Brasil

Quase meio milhão de pessoas protestam contra o PT e o governo Dilma Rousseff neste domingo (13) na Avenida Paulista, no coração de São Paulo.

De acordo com o Datafolha, 450 mil manifestantes ocupavam a avenida cartão-postal da capital paulista às 16h.

O número supera a quantidade de pessoas no ato de Diretas Já, em 1984, que exigia o direito de o cidadão eleger diretamente o presidente da República.

Segundo a Polícia Militar de São Paulo, 1,4 milhão de pessoas participaram do ato contra Dilma na Paulista.

Os brasileiros que estão nas ruas condenam a corrupção, exaltam a Operação Lava Jato, que desvendou esquema de desvios bilionários da Petrobras, e enaltecem o juiz Sérgio Moro, responsável pelas condenações dos políticos e empresários envolvidos.

O coro contra Lula, PT e Dilma é quase uníssono. Sobram críticas também ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e aos tucanos Aécio Neves e Geraldo Alckmin.

Com o volume de gente nas ruas em mais de cem cidades brasileiras, o Palácio do Planalto está avaliando como reagir aos pleitos da população.

LEIA MAIS:

- Lula zumbi, 'trio elétrico' de Bolsonaro, pixulecos de todas formas... 9 coisas que você só vê nos protestos deste domingo

- Grupos pró-governo vão às ruas em meio a protestos pelo impeachment de Dilma

Galeria de Fotos Famosos contra o PT e a corrupção Veja Fotos