COMPORTAMENTO
04/03/2016 13:36 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:38 -02

Lojas de maconha vão doar 10% de vendas para campanha de candidato democrata Bernie Sanders

Bernie Sanders é o único candidato presidencial americano a se mostrar completamente favorável à legalização da maconha pelo governo federal do país.

"Do meu ponto de vista, os estados deveria ter o direito de regular a maconha da mesma forma que os estados e as leis legais locais fazem com o álcool e com o tabaco".

Era hora de quem já é beneficiado pelas leis que regulam o mercado da maconha recreativa e medicinal agirem em favor de Bernie, certo? Pois é exatamente assim que pensam dois dispensários de Portland, capital do Oregon, na costa oeste americana, uma das regiões do país onde as leis já foram flexibilizadas.

As lojas Foster Buds e Glisan Buds prepararam a campanha Burn One for Bernie (algo como "Queime um por Bernie"). Serão vendidos cigarros de maconha especiais por US$ 10 dólares e 10% das vendas totais vão ser depositadas para a campanha de Sanders diretamente. Os comprados ganham uma camiseta.

"A comunidade canábica crê que todos merecem um presidente que vai tentar alterar e transformar as políticas para a maconha na América. Em nossa opinião, Bernie Sanders é o melhor e mais provável candidato para representar adequadamente as necessidades de nossa comunidade", diz Johnny Green, bacharel em Política Pública e ativista da maconha no Oregon.

Segundo pesquisa do Pew Research Center Polls - um dos mais reconhecidos no país de Barack Obama -, seis entre 10 democratas apoiam a legalização da maconha. O apoio entre os possíveis eleitores de Bernie sobe para 75% entre os mais jovens.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: