NOTÍCIAS
19/02/2016 11:17 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:32 -02

Torcida do Corinthians faz novo protesto contra Globo, CBF e deputado do PSDB

Rede Globo, Federação Paulista de Futebol (FPF) e o deputado estadual Fernando Capez (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo e suspeito de envolvimento no escândalo das merendas. Novamente eles foram alvo de protesto da Gaviões da Fiel, a principal organizada corintiana.

Foram estendidas faixas e entoados coros em frente à sede da Federação Paulista, na Barra Funda, zona oeste de São Paulo.

Foi a quinta vez que os corintianos protestaram contra a punição recebida por utilizar sinalizadores dentro do Pacaembu na final da Copa São Paulo de Futebol Junior, no dia 25 de janeiro. Capez, por sua vez, tem longo histórico de conflitos com as torcidas organizadas. Seu nome ficou bastante associado com a luta contra as organizadas na década de 1990, quando atuava como promotor.

No protesto dentro do Itaquerão, em partida contra o Capivariano, na última quinta-feira, os torcedores acabaram reprimidos pela Polícia Militar e tiveram as faixas retiradas. Na partida contra o São Paulo, no último domingo, as faixas voltaram ao estádio.

A FPF emitiu nota dizendo que respeita o direito à manifestação pacífica dos torcedores. Por meio de nota oficial, a entidade diz que "seus regulamentos não vetam manifestação pacífica".

LEIA TAMBÉM:

- Por que querem censurar os protestos da torcida do Corinthians?

- Filho de Lula recebeu R$ 500 mil do Corinthians sem cumprir função no clube

- Corinthians faz treino aberto e pede doações para vítimas da tragédia de Mariana

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: