NOTÍCIAS
22/12/2015 09:44 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Incêndio no Museu da Língua Portuguesa deixa rastro de destruição e morte

O incêndio que tomou conta do Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, nesta segunda-feira (21) deixou um rastro de destruição e morte. Bombeiros ainda trabalhavam no local apagando pequenos focos de incêndio na manhã desta terça-feira (22) e a estação da Luz estava fechada.

Já existe uma hipótese do que pode ter provocado as chamas. Um funcionário do museu disse para a equipe de Defesa Civil que um curto-circuito aconteceu após uma troca de luminária no segundo andar do edifício, segundo informações do G1.

Todo o prédio, que tem cerca de 4 mil metros quadrados, terá que ser reconstruído. "Foi uma área bem grande, afetou todos os pavimentos. Praticamente toda a área do museu", afirmou o comandante do Corpo de Bombeiros, Rogério Bernardes Duarte.

A mulher do bombeiro civil Ronaldo Pereira, de 39 anos, que morreu durante o trabalho de combate às chamas, disse que ele "morreu fazendo o que gostava". "Por isso, eu sei que ele está feliz onde ele está", disse Rita de Cássia dos Santos Osório Cruz.

Veja mais imagens:

Galeria de Fotos Incêndio atinge Museu da Língua Portuguesa em São Paulo Veja Fotos