NOTÍCIAS
21/12/2015 17:00 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

DESTRUIDORA: Aos 15 anos, jovem dá uma verdadeira lição sobre islamofobia (VÍDEO)

"Eu tenho uma irmã de sete anos que chegou da escola chorando. Quando eu perguntei o motivo, ela disse que seus colegas estavam dizendo que ela era culpada pelos ataques de Paris, e disse que não queria voltar".

Isra Mohammed tem 15 anos é muçulmana. O trecho que você leu acima é parte do discurso da adolescente para 1.900 alunos e 340 funcionários na Newcastle’s Kenton School, na Inglaterra.

Em sua fala, ela falou que sua religião foi "sequestrada" por terroristas, e pediu que seus colegas tenham em mente que nem todos os seguidores da religião pensam dessa forma. Ela afirmou que já foi acusada de ser uma terrorista por conta de sua religião.

"Minha mensagem é de que o terrorismo não tem religião, que o islã não é a face do terrorismo e que os muçulmanos não têm nada a ver com isso".

Segundo o Independent, a jovem, que deseja se tornar médica como seu pai, deve repetir o discurso em outras escolas do país.

Isra contou ao jornal que seu recado já fez com que algumas pessoas mudassem de atitude. "Eu não queria que isso se repetisse com outros muçulmanos, eu quero que todos vejam a verdade por trás disso", conta ela, sobre o episódio de bullying com a irmã mais nova.

"Nós podemos aprender com a religião e a cultura dos outros. Nos temos que parar de presumir as coisas. Podemos ser justos uns com os outros. E lembre-se: quando você diz a alguém, 'Você é um terrorista por causa de sua religião', você está cometendo um crime de ódio."

"Meu nome é Isra Mohammed. Eu sou uma muçulmana. E eu não sou uma terrorista."

Precisa dizer mais?

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS:

Eleições nos EUA
As últimas pesquisas, notícias e análises sobre a disputa presidencial em 2020, pela equipe do HuffPost