ENTRETENIMENTO
19/12/2015 10:10 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

100 anos de Édith Piaf: 6 vezes em que a cantora transbordou suas emoções por meio da música

Reprodução/how-rich.org

Neste sábado (19) a cantora ícone da música francesa, Édith Piaf, completaria 100 anos.

Voz dos sucessos "Non, Je ne Regrette Rien", "La Vie En Rose" e "Milord", Piaf é considerada a 10ª maior francesa de todos os tempos de acordo com a lista da BBC, Le plus grand français.

Piaf teve uma vida marcada por sofrimentos: o abandono da família, a infância pobre, saúde fragilizada, morte da filha e do grande amor de sua vida -- o boxeador Marcel Cerdan.

O que despertava a vida nela era sua carreira. Ela comoveu multidões com sua música, letras belíssimas e interpretações marcantes.

A cantora morreu jovem, aos 47 anos, em decorrência do abuso do álcool e do vício em morfina.

Para homenagear a lendária cantora, o HuffPost Brasil selecionou as apresentações que Edith Piaf deu vida à música, transbordando toda sua emoção e carisma.

Bravo Pour Le Clown (1953)


Milord (1959)


La Vie En Rose (1946)


Padam Padam (1951)


Mon Manège a Moi (1956)


La Foule (1957)


Non, Je Ne Regrette Rien (1960)


Também no HuffPost Brasil:

Photo gallery200 melhores músicas da década segundo a Pitchfork See Gallery

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: