NOTÍCIAS
01/12/2015 11:46 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:35 -02

OAB suspende por 90 dias advogado que chamou colega de 'cachorra' durante audiência

FIickr

A Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Bahia determinou nesta segunda-feira (30) a suspensão do advogado Marconi de Souza Reis durante 90 dias, após ele xingar a colega Louise Lima Andrade de "cachorra" pela forma que ela se vestia.

A ofensa aconteceu durante uma audiência de conciliação no Juizado Cível de Lauro de Freitas, no dia 27 de outubro. Ele disse:

“Repare, dali eu estava vendo sua calcinha. Da próxima vez, venha com uma roupa mais composta. Cachorra!”

Ouça a gravação:

À época, OAB divulgou uma nota de repúdio à atitude de Reis dizendo:

"É inadmissível que, ainda nos dias atuais, a mulher sofra censura moral e agressão verbal, de cunho discriminatório de gênero, em razão da suas roupas ou aparência. Não ter direito de propriedade sobre o seu próprio corpo e a sua imagem profissional é uma violência contra a mulher e não pode ser ignorada por esta Seccional."

O texto na íntegra encontra-se no site da OAB.

O Tribunal de Ética e Disciplina (TED) da OAB da Bahia suspendeu Reis por 90 dias -- prazo máximo permitido.

'Férias'

Após o julgamento, o advogado postou em seu Facebook que havia recebido da OAB-BA "férias de 90 dias". No texto, ele também compara o julgamento a uma crucificação:

Pois é: se eu fosse Jesus Cristo e estivesse ali sendo crucificado, e todos os advogados conselheiros (que me julgaram) também estivessem pregados numa cruz, condenados por seus crimes, eu só levaria o relator aos céus. E diria: “Ainda neste verão estarás comigo na praia do paraíso”.

A OAB-BA acaba de me dar férias de 90 dias!O Tribunal de Ética da OAB-BA suspendeu minha advocacia por 90 dias, a...

Posted by Marconi De Souza Reis on Segunda, 30 de novembro de 2015

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: