NOTÍCIAS
18/11/2015 10:54 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:32 -02

Apenas metade dos jovens negros dos EUA acredita que vai chegar aos 35 anos, diz estudo

Elijah Nouvelage via Getty Images
OAKLAND, CA - DECEMBER 4: Michaela Pecot wears a sign on her hat that reads 'I can't breathe' in front of City Hall on the second night of demonstrations following a Staten Island, New York grand jury's decision not to indict a police officer in the chokehold death of Eric Garner on December 4, 2014 in Oakland, California. The grand jury declined to indict New York City Police Officer Daniel Pantaleo in Garner's death. (Photo by Elijah Nouvelage/Getty Images)

Estudo divulgado hoje (18) nos Estados Unidos revela que apenas metade dos jovens afro-americanos está confiante de que vai chegar aos 35 anos.

O número é ainda mais baixo (38%), no caso dos jovens mexicanos que vivem nos Estados Unidos, de acordo com a mais recente edição do Journal of Health and Social Behavior.

Entre a população branca,o percentual dos que disseram estar “quase certos” de que vão chegar aos 35 anos é mais elevada: 66%.

Tara Warner, professora assistente de sociologia da Universidade do Nebraska-Lincoln, disse:

“Os brancos não estão sujeitos ao racismo e à discriminação, em nível institucional e individual, vividos pelos imigrantes e minorias étnicas nascidas nos Estados Unidos, que comprometem a saúde, o bem-estar e as oportunidades de vida”.

Ela adiantou que “essas experiências – incluindo o medo da vitimização e/ou deportação – podem ser uma fonte crônica de stress para as minorias raciais e étnicas, bem como para os imigrantes, o que compromete ainda mais o seu bem-estar, mesmo entre os jovens”.

O estudo Expectativa de Sobrevivência dos Adolescentes: Variações por Raça, Etnicidade e Nascimento é descrito pelos autores como o primeiro a documentar os padrões de expectativa de sobrevivência entre os diferentes grupos raciais, étnicos e de imigrantes.

Para o trabalho foram ouvidas 171 mil pessoas, com idade entre 12 e 25 anos.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: