MULHERES
30/10/2015 20:41 -02 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Mulheres vão às ruas em SP contra Cunha e 'PL do Aborto'

Um grupo de mulheres tomou a avenida Paulista na noite desta sexta-feira (30) para protestar contra o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e o projeto de lei 5069/2013, aprovado pelos parlamentares na semana passada. De autoria de Cunha, o projeto dificulta o atendimento às vítimas de estupro e foi apelidado de 'PL do Aborto".

Segundo a organização do protesto, cerca de 15.000 pessoas participavam da manifestação. A PM contabilizou 5.000 mil. Elas gritavam "Fora Cunha", "O Cunha é ditador" e cantavam "O corpo é nosso. Legalize [o aborto]". Em entrevista à Folha de S.Paulo, uma das organizadoras do protesto, a programadora cultural Jaqueline Vasconcellos afirmou que "essa é uma causa de toda a sociedade, pois é referente a um direito nosso de atendimento médico contra violência".

Além de retomar a necessidade do exame de corpo de delito para comprovar a violência sexual antes do atendimento médico, o projeto também retira do atendimento obrigatório o acesso à pílula do dia seguinte.

Veja abaixo imagens do protesto:

  • ALEX SILVA/ESTADÃO CONTEÚDO
  • NELSON ANTOINE/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
  • CRIS FAGA/FOX PRESS PHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
  • MARIVALDO OLIVEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
  • GABRIEL SOARES/BRAZIL PHOTO PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
  • NELSON ANTOINE/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
  • MARIVALDO OLIVEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
  • GABRIEL SOARES/BRAZIL PHOTO PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
  • MARIVALDO OLIVEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
  • MARIVALDO OLIVEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
  • MARIVALDO OLIVEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: