NOTÍCIAS
16/09/2015 01:39 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:38 -02

O que nós realmente achamos da final do MasterChef Brasil 2015

Reprodução/Band

Você assistiu com entusiasmo à toda a segunda temporada de MasterChef Brasil.

Torceu por Jiang, divertiu-se com Cristiano, riu com os jurados, suou frio em cada eliminação.

Mas, na hora da final, a decepção foi beeem maior do que um prato malfeito de um candidato a chef.

A equipe do Brasil Post assistiu ao último episódio do reality show mais legal de 2015, mas ficou bastante desapontada.

A seguir, os seis momentos em que sentimos vergonha alheia da Band:

1. O ao vivo que não era ao vivo

A internet entoou um "Band Falsiane" porque a emissora vendeu o programa como se fosse ao vivo, sendo que era claramente gravado, editado e até legendado.

Ora, o "ao vivo" aparecia. Ora, sumia.

Que papelão, Band!

2. O remix com as músicas dos jurados

Sério... O que foi isso, Band?!

Tudo bem que a intenção era fazer algo descolado e jovial, remixando músicas que têm a ver com os jurados.

Mas não teve ritmo e — pior — não teve graça!

A edição deixou a desejar. Os jurados são muito mais engraçados e muuuito melhores que essas cenas.

3. Quando a TV tenta ser internet...

Tá, o #MasterChefBR é um sucesso no Twitter, foi para os TTs mundiais.

Mas levar os twitteiros daora para um programa ao vivo, que não era ao vivo, para tuitar ao vivo foi meio assim...

4. Onde está Jiang?!

Por que a maior diva da gastronomia televisiva de todos os tempos não foi devidamente aproveitada pelo roteiro da final da Band?

Quase não ouvimos a voz de Jiang. A não ser o "voto branco" dela na briga entre Raul e Izabel pelo avental de MasterChef.

Faltou Jiang, Band. Faltou mesmo!

5. Quatro semanas de reprises...

A Band lembrou ao telespectador que vem aí o MasterChef Júnior, em outubro.

Mas, enquanto o programa com participantes infantis não começa, vão rolar quatro semanas com os melhores momentos do MasterChef Brasil... Deste, que acabou de terminar.

Mas, ~tipo assim~, todo dia já tinha aquecimento do programa, com os melhores momentos do anterior.

"Chega de Enrolación", diria Jacquin...

6. As lágrimas cênicas de Ana Paula Padrão

A apresentadora, sempre tensa, exagerou no tom emotivo em sua última participação.

Ao ouvir as lições de Raul sobre o programa, ela fez a chorosa:

Enfim...

Após um programa com tanta enrolação e escolhas ruins, nós ficamos como a Paola Carosella ao se deparar com uma receita indigesta:

Galeria de Fotos MasterChef: Destaques da 2ª Temporada Veja Fotos