MUNDO
18/07/2015 16:20 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Brasileiras faturam o penta na ginástica rítmica em Toronto

KEVIN VAN PAASSEN/AGENCE FRANCE PRESSE/ESTADÃO CON

A equipe brasileira de ginástica rítmica voltou a superar os Estados Unidos neste sábado e conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto. Com a nota final 30,233, Ana Paula Ribeiro, Beatriz Pomini, Dayane Amaral, Emanuelle Lima e Jéssica Maier garantiram o pentacampeonato na competição.

As ginastas foram embaladas por ritmos bem brasileiros na apresentação das seis maças e dois arcos e ganharam apoio do público no Toronto Coliseum. Do lado de fora, a comissão técnica já comemorava logo após o término da apresentação, mesmo sem saber a pontuação final.

O conjunto brasileiro teve uma ótima performance e foi recompensado com a nota 15,433, faturando a medalha com ampla vantagem sobre as norte-americanas (14,675). Os Estados Unidos levaram a prata (29,275) e Cuba ficou com o bronze (25,692).

Na sexta-feira, as brasileiras começaram bem na disputa pelo pentacampeonato e fecharam o dia com a primeira posição na série de cinco fitas com a nota 14,800, à frente dos Estados Unidos. As outras rivais ficaram bem longe de ameaçar os dois conjuntos.

O conjunto brasileiro volta a se apresentar nas fitas no domingo, às 12h50 (de Brasília), e nas maças e arcos na segunda-feira, no mesmo horário, e pode faturar mais duas medalhas. Na contramão das outras modalidades pan-americanas, que tentam se adequar ao programa olímpico, a ginástica rítmica pode distribuir três medalhas de ouro para o mesmo campeão.