NOTÍCIAS
15/07/2015 10:43 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Humorista Gregorio Duvivier ironiza 'coxinhas' e pede o 'impeachment do papa Francisco' (VÍDEO)

Montagem/Facebook e AP

O humorista Gregorio Duvivier publicou na noite desta terça-feira (16) um vídeo cheio de ironia e sarcasmo, no qual pede o ‘impeachment do papa’. Na publicação, ele se identifica como ‘Peu Fracaroli’, criador do site Revoltados da Revolta – uma cara alusão ao Revoltados Online, site que representa os ‘coxinhas’ e prega o antipetismo à exaustão nas redes sociais.

“Vir me falar que o capitalismo é ruim... em primeiro lugar, o que é melhor? É o comunismo? Então boa sorte, papa! Vai pra Cuba porque, se tem um regime que mais matou papa é o comunismo!”, vocifera Duvivier, em uma imitação carregada de sarcasmo e vestindo uma camisa retrô da seleção brasileira de futebol – ironia com os atos de março e abril contra o PT e contra a presidente Dilma Rousseff.

IMPEACHMENT DO PAPA

Posted by Gregorio Duvivier on Terça, 14 de julho de 2015

No vídeo de 1h57, ‘Peu Fracaroli’ ainda se mostra ‘revoltado’ com a atual atuação do papa Francisco, que é tachado como “comunista, gayzista e bolivariano”. Por outro lado, ele defende amplamente o liberalismo. “Agora, abrir pra gayzismo é abrir pra miséria! Quer fazer uma republica bolivariana no Vaticano? Não vai conseguir!”, discursa.

“Eu não vou permitir. Com a minha igreja não! Por isso, criei a hashtag ‘#impeachment’ e a hasthag ‘#forapapa’. E leva a Dilma junto, vai embora! Ou vai ou muita gente como eu vai rasgar o crisma”, concluiu. Até 10h20 desta quarta-feira (15), o vídeo já tinha quase 1 milhão de visualizações, 31 mil curtidas e 22 mil compartilhamentos.

Na semana passada, o papa Francisco esteve em visita ao Equador, Bolívia e Paraguai, três dos países mais pobres da América Latina. O pontífice criticou o capitalismo e a ausência de políticas voltadas aos mais pobres. Além disso, em encontro com o presidente boliviano Evo Morales, o papa ganhou um crucifixo em forma de foice e martelo, símbolo do comunismo, o que provocou opiniões diversas sobre o caráter ‘comunista’ da visita.

LEIA TAMBÉM

- Papa elogia reformas, troca presentes com Evo Morales e presta homenagem a padre morto na Bolívia

- Ao sobrevoar Brasil, papa envia 'saludo' e renova afeto pelo povo brasileiro

- Papa pede à América Latina que evite leis que estimulem a repressão