NOTÍCIAS
15/07/2015 15:56 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Crânio de F.W. Murnau, diretor de 'Nosferatu', é roubado de túmulo

Reprodução/Montagem

A cabeça do cineasta alemão F.W. Murnau (1888-1931) foi roubada de seu túmulo, em um cemitério na cidade de Stahnsdorf, próxima de Berlim. A informação vem de jornais alemães e foi publicada em inglês pela Variety.

Conhecido principalmente por dirigir o filme mudo Nosferatu (1922), clássico do terror e do expressionismo alemão, Murnau tinha o corpo embalsamado em um caixão de metal, enterrado na cova da família. A Folha apurou que o roubo aconteceu entre os dias 4 e 12 de julho.

Ainda de acordo com a Variety, nenhum outro túmulo da cova dos Murnau foi violados. Resíduos de cera foram encontrados próximos ao túmulo, o que indica possibilidade de conexão com ocultismo.

Nosferatu é uma das primeiras adaptações do livro Drácula, de Bram Stoker, para o cinema. Curiosamente, em uma cena do mesmo filme, o túmulo do "protagonista" é aberto.

Murnau também dirigiu Aurora (1927), também mudo, ganhador de três Oscar na primeira cerimônia da premiação, em 1929. Em 2003, o diretor foi homenageado no Festival de Berlim com o prêmio Teddy, do júri.

BÔNUS:

Veja a ponta que o vampiro Nosferatu fez em Bob Esponja:

VEJA TAMBÉM: FILMES CLÁSSICOS NO BRASIL POST:

Galeria de Fotos 5 filmes clássicos sobre amor doentio Veja Fotos