NOTÍCIAS
26/06/2015 17:00 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:34 -02

26 de junho: O dia em que a greve geral não aconteceu no Brasil

Reprodução

Há cerca de dois meses, uma mensagem falando sobre uma “greve geral” marcada para esta sexta-feira (26) começou a circular por WhatsApp e deixou internautas em dúvida se o Brasil pararia a fim de protestar contra a corrupção do governo. Um trecho do texto dizia que o País pararia por 24 horas: “Nada funcionará, ônibus, metrô, postos de gasolina, restaurantes, supermercados, etc”.

Quem saiu de casa neste 26 de junho percebeu que a história é completamente falsa. Os ônibus, metrô, padarias e, inclusive, o local no qual você trabalha funcionam normalmente nesta sexta-feira (26). A tal greve geral não saiu do WhatsApp e do Facebook. Mas nem precisava ser um gênio para perceber que a mensagem tinha características de boato. Além de não citar fontes, ter erros de português e caráter alarmista, a história da greve geral foi negada por centrais sindicais.

Essa não foi a primeira vez que um boato sobre greve por protesto no Brasil circulou pela internet. Em 2013, uma convocação de “greve geral contra a corrupção no Brasil” também circulou pela internet. Assim como nesta sexta-feira, quem não foi trabalhar por acreditar na história se deu mal naquela ocasião.

Esse texto está publicado no Boatos.org. Clique aqui para entender mais sobre a história.