ENTRETENIMENTO
19/06/2015 17:45 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:32 -02

Chris Pratt: 'O corpo masculino deve ser tão objetificado quanto o feminino para haver igualdade'

Marvel Studios

Em entrevista ao programa Front Row, da BBC Radio 4, transmitido neste mês, o ator norte-americano Chris Pratt, 35, comentou que ter mudado seu físico contribuiu para ele se tornar uma estrela e que se sente "totalmente" objetificado por isso, mas não "espantado".

A apresentadora Kirsty Lang perguntou ao ator como seu treino, que o fez perder 27kg em seis meses para seu papel em Guardiões da Galáxia (2014), mudou sua carreira. Diante da resposta de Pratt, a apresentadora disse: "Meio espantoso, pois atrizes sempre reclamam sobre como seus corpos são objetificados".

O ator respondeu:

"Acho espantoso que, por muito tempo, apenas mulheres têm sido objetificadas. Se quisermos igualdade [de gênero], é importante não objetificarmos menos as mulheres, mas objetificarmos os homens com a mesma frequência com que o fazemos com as mulheres".

Segundo Pratt, há muitas mulheres bonitas que construíram carreira com seus corpos. "Estou usando o meu para minha vantagem!", riu.

"No fim das contas, nossos corpos são objetos. Somos grandes sacos de carne, sangue e órgãos que Deus nos dá para andarmos por aí."

LEIA TAMBÉM:

- Princesas Disney ficam ainda mais lindas com cinturas realistas

- A foto de uma mãe de biquíni inspira outras mulheres a exibirem seus corpos com orgulho

- Esse homem foi ridicularizado por causa de seu corpo enquanto dançava; Agora, ele vai ganhar uma festa com 1,7 mil mulheres

- 'Corpo de pai' faz sucesso entre norte-americanas