MUNDO
24/05/2015 17:12 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

Estado Islâmico mata pelo menos 400 civis em cidade da Síria, diz TV estatal

AP PHOTO

O grupo extremista Estado Islâmico executou pelo menos 400 civis, em sua maioria mulheres e crianças, na cidade antiga de Palmira, segundo a emissora estatal da Síria, citada pelo jornal britânico Daily Mail. De acordo com testemunhas citadas pelo veículo estatal, há muitos corpos enfileirados pela cidade.

O diário britânico lembra que a notícia é divulgada após a morte de quase 300 soldados favoráveis ao governo sírio, dois dias após os extremistas capturarem a cidade na semana passada. A imprensa estatal síria citou moradores que continuam em Palmira como a fonte da informação.

De acordo com os relatos, dezenas de mortos eram funcionários públicos, incluindo a chefe do Departamento de Enfermagem de um hospital e membros da família dela. Autoridades sírias disseram que o Exército do país está enviando tropas para a área, em uma aparente preparação para tentar retomar a cidade do Estado Islâmico.

LEIA TAMBÉM:

- Destruição: Estado Islâmico assume controle total de outra cidade histórica

- Por que perder a cidade de Ramadi é um duro golpe para a coalizão liderada pelos EUA