NOTÍCIAS
19/05/2015 17:10 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

Torcedor do Boca que jogou spray de pimenta no River diz que 'não teve a intenção'

Reprodução Facebook

O torcedor do Boca Junior que jogou spray de pimenta nos atletas do River Plate durante intervalo da partida na última quinta-feira (14) foi identificado como Adrián Napolitano, conhecido como El Panadeiro - que significa O Padeiro, em português.

Nesta terça-feira (19) ele deu uma entrevista para o canal de televisão TyC Sports, da Argentina, e afirmou que ainda "não se deu conta" do que fez.

"Há 25 anos que assisto aos jogos e nunca tive problema. Nunca pisei numa delegacia. Todo mundo me conhece, sabe como sou, sabe que gosto de festa, nada mais", afirmou Napolitano.

"Jamais tive a intenção de fazer isso. Pensei que não havia câmeras. Não pensava que iria chegar a tanto. Quando me dei conta, queria morrer", confessou o torcedor.

Ele teria deixado o estádio disfarçado e com a ajuda de amigos. A perícia também confirmou que a substância usada era "capsaicina, princípio ativo do gás pimenta", que atingiu os jogadores através de um buraco no teto do túnel de acesso aos vestiários, conforme explicou o ministério argentino público à agência AFP.

A ação foi classificada como retaliação de uma facção dentro da torcida organizada La 12, que teria sido excluída de negociações com a diretoria do time. "Não foi um ato louco solto, nem um problema da 'barra' oficial, foi algo político", afirmou o presidente do Boca, Daniel Angelici.

LEIA MAIS:

- Empresa de fachada que organiza amistosos da seleção manda em quase tudo

- SP: Juizado do Torcedor terá mais poder para combater violência no futebol

- CBF nega influência estrangeira em convocação e compara seleção a banda de rock