NOTÍCIAS
08/05/2015 16:26 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:03 -02

Primeiro-ministro do Nepal promete reconstruir escolas e estradas em até dois anos após terremoto

REUTERS/Athit Perawongmetha

O primeiro-ministro do Nepal prometeu nesta sexta-feira recuperar edifícios públicos, escolas e a infraestrutura em até dois anos após o terremoto de magnitude 7,8 que abalou o país no mês passado.

“O governo irá reconstruir edifícios públicos danificados, estradas, escolas, hospitais, instalações de telecomunicações, estações de energia e faculdades em dois anos”, afirmou o premiê, Sushil Koirala, em um discurso ao Parlamento.

Ele ainda disse que o governo irá oferecer empréstimos de até US$ 25 mil com uma taxa de juros de 2% para a reconstrução de residências particulares.

O anúncio acontece na esteira do pior terremoto do país em mais de 80 anos, ocorrido pouco antes do meio-dia de 25 de abril. Pelo menos 7.903 pessoas morreram, quase 18 mil ficaram feridas e mais de 541 mil prédios foram danificados.

O governo afirmou que o custo da primeira fase da reconstrução será de US$ 2 bilhões e que separou US$ 200 milhões para este fim. Para equilibrar as contas, o Nepal apelou por doações de países estrangeiros, de agências de assistência humanitária e do próprio povo nepalês.

Koirala disse que as autoridades irão preparar estimativas do custo total de reedificação assim que a dimensão dos estragos tiver sido determinada. O Nepal planeja realizar uma reunião com doadores em breve para pedir ajuda com a reconstrução. Nesta sexta-feira (8), grupos de ajuda ainda tentavam levar suprimentos a muitas comunidades em áreas remotas.