COMPORTAMENTO
20/04/2015 23:14 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

O casal Naparuj Mond Kaendi e Thorsten Middelhof ensina como o amor é maior que qualquer preconceito

Reprodução/Facebook/Instagram

Eles namoram há dois anos e cinco meses.

O relacionamento é à distância, pois um mora em Remscheid, no norte da Alemanha, e outro, em Bangcoc, capital da Tailândia. O casal está sempre na ponte aérea para viver esse amor.

Em toda viagem que fazem (e são dezenas!), postam fotos juntos e apaixonados nas redes. Whatsapp e Skype são vitais para matar as saudades diárias.

Assim é o romance do tailandês Naparuj Mond Kaendi e do alemão Thorsten Middelhof, que se tornaram mundialmente conhecidos depois que uma foto de ambos viralizou.

O clique, de autoria desconhecida, é dos dois de mãos dadas a bordo de um trem na capital tailandesa.

Suporta para sa kanila! Bawal ang bitter.

Posted by BV Patrol on Friday, 17 April 2015

Em todo o mundo, milhares de pessoas questionaram como Thorsten, o jovem mais alto de barba, poderia estar com Naparuj, o asiático mais baixo.

No Brasil, a comunidade Sou/Curto Afeminado reproduziu os comentários mais jocosos sobre o casal:

A foto desse casal passou o dia rodando as timelines, a gente printou alguns comentários e tentou pensar em algo pra dizer... mas eles falam por si só, e são o motivo da nossa página existir... :(

Posted by Sou/Curto Afeminado on Sunday, 19 April 2015

O Tumblr Black for Black, da comunidade negra LGBT, criticou o padrão ocidental de beleza, que "premia" brancos em detrimento de negros e asiáticos:

"Pessoas brancas (na sua maioria, homens cis sarados) são postas como prêmio, são os endeusados pela comunidade como sonho de matrimônio e tal. Ainda é um choque tão grande ver os 'deuses gregos' com pessoas não brancas... Elas são tão 'especiais' que ninguém não branco pode ficar/tocar/namorar. E, quando namora, é lido como algo anormal, 'magia negra', 'macumba'."

A reflexão é uma resposta a postagens venenosas como esta.

Os recalcados apostavam em um relacionamento de interesse, uma vez que Naparuj é diretor criativo de uma agência de modelos. Para eles, Thorsten, o bonitão, era modelo.

Pronto, tudo explicado. Não é amarração. Muito menos amor.

That's capitalism, babe! Certo?

Errado!

Thorsten é engenheiro, formado em Gestão de Resíduos e trabalha no setor de vendas de uma fabricante de equipamentos industriais.

Foi durante um estágio de pesquisa em plástico e reciclagem no Asian Institute of Technology, na Tailândia, que Thorsten se apaixonou por Naparuj.

E o amor está em cada sorriso, em cada viagem, em cada imagem dos dois desde o fim de 2012:

Galeria de Fotos O amor de Naparuj & Thorsten Veja Fotos

Naparuj agradeceu a todos aqueles que rebateram os ataques ao casal. Pelo Instagram, escreveu na última sexta-feira (17):

"Obrigado a todos vocês pela ajuda e por toda a positividade. Para ser honesto, eu não estava tão surpreso quando pessoas do nada foram falar comigo ontem à noite e mostraram para a gente todas as nossas fotos que foram postadas a tarde inteira. Isso já tinha acontecido antes, exatamente um ano atrás, e todos os comentários desagradáveis me deixaram em lágrimas e cheio de preocupações. Este ano, porém, Thorsten e eu inesperadamente estamos nos sentindo tão agradecidos e cercado por essa onda de enorme apoio. Nós nunca quisemos estar sob os holofotes, mas muito obrigado, de qualquer forma."

Por sua vez, Thorsten postou uma ilustração reafirmando o amor dos dois:

E, em uma mensagem por WhatsApp, compartilhada publicamente pelo namorado, o alemão deu uma pista de qual será a página seguinte da narrativa deste casal:

"Obrigado pelos momentos maravilhosos que tivemos nesta viagem. Por favor, cuide-se e fique bem logo. Eu te amo e estou ansioso para começar o próximo capítulo de nossas vidas juntos."

Para além de raça, nacionalidade, aparência, tamanho, peso, dimensões. Para além do que os olhos (alheios) pensam.

O que importa mesmo é o que — e quem — faz seu coração bater.

E essa é a lição que Naparuj e Thorsten podem ensinar a todos nós.