MUNDO
20/04/2015 17:55 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:52 -02

'Contamos até três e saímos correndo', dizem testemunhas sobre ataque à escola em Barcelona

AP

Os alunos de um instituto de ensino de Barcelona, que presenciaram o assassinato de um professor por um colega de 13 anos, contaram que ao verem o homem ferido, eles se juntaram na esquina da sala, contaram até três e saíram correndo.

“Contamos um, dois, três e saímos correndo para o pátio”, contou um estudante ao El País. De acordo com o jornal, os estudantes começaram a ouvir gritos e o professor saiu para ver o que estava acontecendo. Em seguida, os alunos o viram pela janela ferido na barriga.

Ainda de acordo com os relatos ao jornal espanhol, um amigo do agressor pediu para que ele parasse e o rapaz também o apunhalou.

O menor que matou o professor e deixou quatro feridos estava armado com uma balestra - uma espécie de arma com arco e flecha, que dispara com gatilho.

Um outro professor, que conseguiu deter o menino, disse que ele estava bastante alterado e que se limitava a repetir que ouvia vozes dizendo que ele tinha que matar. O ataque ocorreu nesta segunda-feira (20).