NOTÍCIAS
08/04/2015 19:45 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:45 -02

8 de abril é dia internacional dos ciganos, mas eles não têm muito o que comemorar

O povo romani é a principal etnia entre aqueles conhecidos como ciganos. Eles estão espalhados pelo mundo, muitos ainda levam uma vida nômade e sofrem com preconceito e perseguição. Desde 1990 comemora-se o Dia Internacional Romani no 8 de abril, celebrando essa cultura e tentando dar visibilidade para os problemas enfrentados pelo grupo, que tem uma identidade cultural e linguística próprias.

Durante o regime nazista, os ciganos foram perseguidos e assassinados como outras minorias, mas nunca receberam a mesma atenção que outros povos. Antes, já eram estigmatizados na Europa Medieval e ainda hoje encontram dificuldades para viver em muitos países.

É comum ver os ciganos associados a bandidos ou trambiqueiros. Até mesmo no Brasil, eles foram tidos como golpistas, o que pode ser comprovado em romances como Tocaia Grande, de Jorge Amado, onde eles são retratados como enganadores, porém, esse estereótipo não corresponde à realidade.

A cultura cigana muitas vezes se confunde com a cultura dos Balkans, onde esse povo ainda vive, mas eles também estão presentes na Espanha, sul da França e por toda a América. Acredita-se que sua origem seja o oeste da Índia, mas não há muitas evidências históricas. Eles valorizam a família

Suas vestimentas tradicionais são marcados pelas cores exuberantes e adereços de metal, enquanto a música animada e dançante influenciou diversos estilos pelo mundo.

Formada por descendentes de ciganos romani e pessoas de vários outros grupos étnicos, hoje a banda Gogol Bordello é um exemplo de como a cultura cigana é rica e versátil, conquistando fãs por todo o mundo.

Hoje, 8 de abril, é Dia Internacional do Povo Cigano (International Roma/Romani Day).Dentre todas as canções do Gogol...

Posted by Gogol Bordello Brasil on Quarta, 8 de abril de 2015