NOTÍCIAS
23/03/2015 20:12 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:42 -02

Como ouvir música sem destruir sua audição

getty images

A perda de audição é praticamente uma epidemia entre os jovens dos países desenvolvidos e emergentes, e está só piorando, em vez de melhorar.

A Organização Mundial de Saúde afirmou há algumas semanas que 1,1 bilhões de pessoas entre 12 e 35 anos usam fones de ouvido em "volumes prejudiciais", arriscando perder a audição de forma permanente.

Pior ainda, as pessoas que têm perda de audição nem sempre buscam ajuda rápido o suficiente, e podem nem perceber o risco que esse comportamento representa.

A proliferação dos smartphones, que dão acesso fácil a aplicativos para ouvir música e que normalmente já vêm com fones do tipo earbuds, coincide com o aumento nas estatísticas de perda de audição.

Não há dúvida de que os dois estão relacionados.

"Todo mundo tem algo nos ouvidos ultimamente. Essa exposição constante está com certeza provocando um aumento nas estatísticas de perda de audição", disse ao The Huffington Post a Diane Catalano, uma audiologista sênior do Centro Médico da Duke University.

Ana Gilmore Hall, diretora executiva da Associação de Perda Auditiva da América (Hearing Loss Association of America), concorda com ela, adicionando ainda que as pessoas estão apresentando uma "severa perda de audição muito mais cedo".

Aqui estão algumas coisas simples que você pode fazer para se proteger da perda permanente de audição causada pelo ruído:

Use fones de ouvido do tamanho certo

Impressionantes 86 por cento dos consumidores americanos entre 25 e 34 anos possuíam smartphones em 2014, de acordo com uma recente pesquisa da Nielsen.

Os smartphones também estão nos bolsos de 85 por cento da geração do milênio (entre 18 e 24 anos). A título de comparação, em 2013 esses valores eram de 80 por cento e 77 por cento, respectivamente.

São muitos telefones. O problema é que os fones de ouvido que vêm com esses dispositivos não são projetados para se encaixarem perfeitamente nos seus ouvidos, o que significa que eles deixam passar muitos dos ruídos do ambiente.

As pessoas tendem a aumentar ao máximo o volume dos seus dispositivos para compensar isso, afirma Catalano.

É imperativo que seus fones de ouvido se encaixem corretamente, então você deve testar alguns tipos diferentes antes de comprar.

Os fones do tipo earbuds devem se encaixar perfeitamente nos seus ouvidos e isolar o som. Os de qualidade vêm em vários tamanhos, permitindo que se escolha o que melhor se ajusta ao seu ouvido.

Não existe um "tamanho único". É possível obter também um par customizado que se modela perfeitamente aos seus ouvidos, mas tenha cuidado para não enfiá-los muito fundo.

Em relação a fones do tipo supra- ou circoauricular: eles devem cobrir totalmente suas orelhas e bloquear o som ambiente.

Dê um descanso para seus ouvidos

A Organização Mundial de Saúde recomenda que os jovens se limitem a ouvir mídia por no máximo uma hora por dia a partir de dispositivos como smartphones.

"Não se deve ficar exposto a 80 decibéis por mais que 60 minutos", afirmou Hall ao HuffPost. "Dê um tempo. Deixe seus ouvidos se recuperarem um pouco".

Como referência, 80 decibéis equivalem ao som do trânsito ou de um triturador de lixo. Depois de várias horas, esse nível de decibéis pode causar danos aos seus ouvidos.

Pense nisso a próxima vez que estiver ouvindo música usando seus fones de ouvido.

O volume do seu fone de ouvido não deve ser mais alto que 80 decibéis, que equivale mais ou menos ao som de trânsito pesado.

Desligue seu smartphone

Os smartphones nem sempre te avisam de que está ouvindo algo a volumes perigosamente altos.

"Não há realmente nenhuma razão pela qual esses dispositivos possam chegar a volumes tão altos como chegam", afirmou Catalano.

Em iPhones, Catalano aconselha a não ultrapassar dois terços da barra de volume.

Ouvindo música em um iPhone? Esse volume está provavelmente um pouco alto demais para ser perfeitamente seguro.

Em 2013, a União Europeia estipulou um limite de volume para todos os dispositivos de áudio, incluindo smartphones, limitando-os a 85 decibéis.

A regra significa que pessoas utilizando aplicativos de música como o Spotify teriam que obter um mandado para ouvi-lo em um volume mais alto.

Nos Estados Unidos não há essa exigência, mas muitos celulares Android avisam quando se tenta aumentar o volume para níveis prejudiciais.

Os iPhones permitem que se defina um limite de volume nas configurações do dispositivo.

Mas de que serve um aviso de "entrada proibida" em uma porta aberta?

Alguns smartphones, como o HTC One M8, de onde obteve-se esta captura de tela, têm avisos de volume. Especialistas afirmam que mais deles deveriam ter.

Use protetores de ouvido

Mesmo quando não está ouvindo algo usando fones de ouvidos, sua audição ainda pode ser danificada se estiver em ambientes com muito ruído.

Shows de rock, bares barulhentos, eventos esportivos, metrô, congestionamentos e canteiros de obras são todos ambientes arriscados.

Cogite usar protetores de ouvido se souber que permanecerá por muito tempo em algum lugar com muito ruído.

A V-MODA, um fabricante premium de fones de ouvido, produz uma linha de protetores de ouvido de $20, a Faders VIP, que de acordo com a empresa, neutraliza o som em até 20 decibéis.

Eles são feitos para se parecerem a earbuds sofisticados, para que você não pareça um idiota andando pelas ruas com eles. Assim como os melhores earbuds, eles vêm em múltiplos tamanhos para que seja possível assegurar que eles se encaixem perfeitamente.

V-MODA's Faders VIP earplugs come in three different colors and include four sizes for different ears

Os protetores de ouvido Faders VIP da V-MODA vêm em três cores diferentes e incluem quatro tamanhos para diferentes ouvidos

"Eu tive um episódio de perda de audição", contou ao HuffPost Val Kolton, CEO da V-MODA, sobre sua decisão de fabricar protetores de ouvido.

Kolton estava acostumado a uma vida rodeada por música alta, mas seu sofrimento veio de protetores de ouvido que empurraram sujeira muito para dentro do seu ouvido, gerando uma perda de audição temporária.

"Eu nunca tive problemas com cera no ouvido, mas o protetor a empurrou tanto para dentro que estava formando uma pedra", afirmou Kolton.

A lição (óbvia, mas importante): Nunca enfie algo muito para dentro do seu ouvido. Isso pode causar diversos problemas de saúde, incluindo perda de audição.

Faça exames

Você sabe que não deve ouvir música muito alta. Você sabe que deve usar protetores de ouvido. Agora você tem que assegurar que seus ouvidos estão saudáveis.

Catalano e Hall afirmam que os médicos devem examinar as pessoas quanto à perda de audição.

"Isso deveria ser incluído como parte dos exames básicos realizados", afirmou Hall.

Adultos devem tentar fazer um teste de audição a cada 5 ou 10 anos, de acordo com Catalano. E mesmo assim, Catalano afirma que muitas pessoas descobrem que têm perda de audição, mas esperam vários anos, até que o problema piore, para que comecem a fazer algo a respeito.

Como ela conta ao HuffPost: "Quanto antes pudermos buscar assistência, melhor".

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS

Faça este teste auditivo e descubra se você está apt@ a reconhecer um grave problema

5 coisas que você deveria saber antes de usar fones de ouvidos

Cotonete pode fazer mal: você nunca mais vai querer limpar os ouvidos