NOTÍCIAS
19/03/2015 20:28 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:35 -02

Esta ilha japonesa multiplicou seu tamanho 11 vezes em apenas 15 meses, graças a erupções vulcânicas

Uma pequena ilha vulcânica ao largo do Japão está passando por um enorme surto de crescimento.

A expansão acelerada começou em novembro de 2013, quando uma nova ilha chamada Niijima surgiu perto de Nishinoshima em consequência de uma erupção vulcânica submarina.

Niijima acabou se fundindo com Nishinoshima, e desde o acréscimo de superfície, que para algumas pessoas a levou a se parecer com Snoopy, Nishinoshima não parou mais de se expandir.

A Guarda Costeira japonesa informa que o vulcão submarino continua muito ativo.

Numa inspeção aérea recente da ilha, a Guarda Costeira observou uma nuvem de fumaça elevando-se a 1.200 metros de altitude a partir da erupção, além de rochas vulcânicas sendo expelidas do vulcão várias vezes por minuto.

Imagens feitas pela Guarda Costeira, acima, mostram rochas fundidas jorrando do vulcão e continuamente acrescentando mais área à ilha.

Até 2013, o vulcão submarino não tinha apresentado nenhuma atividade exceto uma erupção importante em 1973 e 1974, que acrescentou mais terra a Nishinoshima, que já existia.

De acordo com o Programa Global de Vulcanismo do Instituto Smithsonian, nenhuma erupção desse vulcão foi registrada antes disso.

Em 23 de fevereiro Nishinoshima já tinha superfície de 2,45 quilômetros quadrados. Segundo a Guarda Costeira do Japão, a ilha está crescendo constantemente em sua parte leste.

Continue a crescer, filhote de ilha! Temos fé em você!

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS

- Pétalas de flores explodem como um vulcão na Costa Rica (FOTOS)

- Vulcão Villarrica entra em erupção no Chile e moradores são retirados

- Neozelandês tosta marshmallow na beira de um vulcão ativo no Vanuatu (VÍDEO)