MULHERES
26/02/2015 22:39 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

Mulheres jovens subestimam risco de infarto, diz pesquisa

iStock

Você é mulher e tem entre 30 e 55 anos? Se sim, deveria estar mais atenta a possíveis sintomas de ataques cardíacos.

Uma pesquisa da Universidade Yale publicada nesta terça (24) na revista científica Circulation revela que jovens mulheres tendem a ignorar indícios como dor no peito, suor excessivo, enjôos e sensação de falta de ar, e demoram para procurar ajuda médica.

Os pesquisadores, que estudaram 30 mulheres hospitalizadas por infarto entre 30 e 55 anos, relatam que as mulheres não conheciam os sintomas, nunca haviam se prevenido de doenças cardíacas e não pensavam nos riscos de sofrer complicações no coração.

Esse desconhecimento, dizem os responsáveis pelo estudo, pode ser a causa das altas taxas de mortalidade entre mulheres jovens com problemas cardíacos em comparação com homens mais velhos.

"Mulheres jovens com fatores de risco e histórico familiar não devem pensar que são jovens demais para sofrerem um infarto", disse a pesquisadora-chefe Judith Lichtman.

As doenças cardíacas são a maior causa de morte de mulheres abaixo de 55 anos nos Estados Unidos.

Portanto, já sabe. Percebeu que está sentindo algum dos sintomas? Procure ajuda médica rápido.

LEIA MAIS

- As diferenças entre mulheres e homens na hora de dormir – e por que isso importa

- Ser mãe após os 50: uma decisão difícil para a mulher e para o médico