ENTRETENIMENTO
20/02/2015 14:48 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:02 -02

Quem vai ganhar (e quem merece ganhar) um Oscar neste domingo

Fox Searchlight/IFC Films

Os votos do Oscar encerraram na terça, o que significa que você pode enviar as suas previsões sem se preocupar sobre como as críticas pedantes, resultados de bilheterias ou uma checagem rígida de fatos irão impactar a votação. Christopher Rosen e Matthew Jacob do HuffPost Entertainment vêm observando a temporada de premiação desse ano e revelam as suas previsões finais para o prêmio máximo de Hollywood. Como as principais categorias já estão praticamente definidas, a competição não será muito acirrada – e é essa informação que você precisa para participar do bolão do escritório, certo?

Melhor Atriz Coadjuvante

Patricia Arquette (“Boyhood: Da Infância À Juventude”), Laura Dern (“Livre”), Keira Knightley ("O Jogo Da Imitação"), Emma Stone ("Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância"), Meryl Streep ("Caminhos Da Floresta")

Quem Merece Ganhar: Já declaramos a nossa admiração por Patricia Arquettedesde Julho, e nesses últimos sete meses nada diminuiu esse entusiasmo. Ela brilha em “Boyhood: Da Infância À Juventude” e entrega o que possivelmente é a melhor performance de uma atriz desse ano, apesar de estar na categoria de atriz coadjuvante. Esse grupo tem atrizes excepcionalmente fortes – eu conseguiria argumentar a vitória de qualquer uma delas – mas deixem a Arquette ganhar e fazer mais um discurso desajeitado e sincero, escrito em um cartãozinho de fichário.

Quem Vai Ganhar: Arquette. -- CR

Quem Merece Ganhar: Eu prefiro fazer de conta que a Laura Dern foi indicada pela atuação em "Livre" e "A Culpa É Das Estrelas”, filme em que ela entrega uma performance ainda emocionante. Já que esse não foi o caso, é difícil negar a determinação de Patricia Arquette. Os indicado não precisam ter uma “cena digna de Oscar” para fazer valer a vitória, mas a cena em que Arquette se desmancha ao enviar ao filho para a faculdade é o suficiente para arrasar as nossas emoções e tão espetacular que achamos que certamente ele estará no envelope da categoria sem haver necessidade de contar os votos.

Quem Vai Ganhar: Quem seria louco de não escolher a Arquette? -- MJ

Melhor Ator Coadjuvante

Robert Duvall ("O Juiz"), Ethan Hawke ("Boyhood: Da Infância À Juventude "), Edward Norton ("Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância"), Mark Ruffalo ("Foxcatcher – Uma História Que Chocou O Mundo"), J.K. Simmons ("Whiplash – Em Busca Da Perfeição")

Quem Merece Ganhar: Pode soar um pouco pedante, mas eu gosto de performances coadjuvantes que apoiam o filme. A interpretação de Arquette em "Boyhood: Da Infância À Juventude" pode ter sido digna de uma atriz principal, mas ela estava apoiando a jornada e história da personagem principal. É o caso de Edward Norton em "Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância". Ao meu ver, foi dele a melhor performance do ano, de qualquer categoria. Foi um trabalho feroz, o maior da sua carreira – ao mesmo tempo histérico, enfurecido, cheio de falhas e completamente humano. No quesito de apoio ao filme, Norton apoia "Birdman" deitado, e na sequência final do filme, quando seu personagem perde o destaque, "Birdman" acaba perdendo muito do seu charme. E que tal J.K. Simmons em "Whiplash - Em Busca Da Perfeição "? Ele é maravilhoso, mas é possível argumentar que ele não é só o ator principal do filme, mas que é de fato a história dele. Terence Fletcher, interpretado por Simmons, não apóia o Andrew Neimann de Miles Teller, ao invés ele usa Andrew para conseguir o que ele quer: um grande baterista digno do investimento do seu tempo.

Quem Vai Ganhar: Simmons. Ele já ganhou todos os outros prêmios. -- CR

Quem Merece Ganhar: De certa forma, a ideia de que J.K. Simmons poderia ser considerado como ator principal em "Whiplash - Em Busca Da Perfeição", revela uma falha no filme. O filme de Damien Chazelle é promovido como a história de Andrew e com um final que já é difícil de entender, fica ainda mais complicado colocar o personagem de Simmons como o centro do filme. Ele é excelente, mas não é uma performance que me emociona tanto quanto emociona aos outros. Eu acho que a interpretação altamente confiante de Edward Norton em "Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância " contém mais camadas, e é necessário que haja um ator capaz, como Mark Ruffalo, para dar vida plena ao único personagem principal em "Foxcatcher - Uma História Que Chocou O Mundo" um filme cheio de comportamentos bizarros.

Quem Vai Ganhar: Veja Robert Duvall surpreender todo mundo. Não, vai dar J.K. Simmons mesmo. -- MJ

Melhor Atriz

Marion Cotillard ("Dois Dias, Uma Noite”), Felicity Jones ("A Teoria De Tudo"), Julianne Moore ("Para Sempre Alice"), Rosamund Pike ("Garota Exemplar"), Reese Witherspoon ("Livre")

Quem Merece Ganhar: A torcida pela Reese Witherspoon nunca ganhou muitos adeptos, diferente do que aconteceu com Matthew McConaughey, o que é uma pena, pois ela merece ganhar o prêmio de Melhor Atriz. A performance dela em "Livre" é tão maravilhosa, que é difícil não exagerar nos elogios pela sua interpretação de Cheryl Strayed, que em nenhum momento se entrega à tristeza da personagem para oferecer aos espectadores um catarse emocional leviana.

Quem Vai Ganhar: Mesmo que Witherspoon tenha sido melhor, quem vai negar um prêmio a alguém como Julianne Moore? -- CR

Quem Merece Ganhar: É em casos como esse que o Oscar pode cometer erros: Julianne Moore é espetacular em “Para Sempre Still Alice", mas ela já foi espetacular em filmes bem mais dignos da atenção da Academia. (A indicação de Moore para o Oscar deveria ter sido pela sua atuação coadjuvante em "Mapas Para As Estrelas". A sátira de Hollywood é uma bagunça, mas pelo menos traz uma ambição que falta em “Para Sempre Alice”. Moore está eletrizante como uma atriz maníaca e egocêntrica). Como ela faz parte da turma que “já deveria ter ganho”, já existe uma certeza tão grande da vitória de Moore que mais ninguém está sendo cogitado. O que é uma pena, porque eu concordo que Reese Witherspoon faz algo maravilhoso com um material que despertou uma paixão que os atores não vivenciam todo dia. O x da questão: Witherspoon nunca precisou de uma volta triunfal mesmo, e colocar “Livre” nessa situação não foi justo. A despeito de tudo isso, foi a melhor atuação dela desde “Eleição” em 1999.

Quem Vai Ganhar:: Sem nenhum desrespeito – hoje em qualquer momento -- a Julianne Moore, que praticamente merece ganhar um Oscar cada vez que faz um filme. O prêmio certamente será dela no domingo. -- MJ

Melhor Ator

Bradley Cooper ("Sniper Americano”), Steve Carell ("Foxcatcher - Uma História Que Chocou O Mundo "), Benedict Cumberbatch ("O Jogo Da Imitação"), Michael Keaton ("Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância "), Eddie Redmayne ("A Teoria De Tudo")

Quem Merece Ganhar: Essa é uma das categorias dos Oscar que ainda gera dúvida, principalmente por ser uma disputa tão equilibrada. Michael Keaton se destaca pelo retorno à competição, Eddie Redmayne tem a transformação em sua performance e Bradley Cooper já foi indicado três vezes, tendo conquistado o respeito de muitos colegas atores. Os três atores têm os seus pontos a favor e contra, mas eu prefiro Keaton pela mesma razão que Moore irá ganhar: Quem se atreve a negar um prêmio a um ator como Michael Keaton?

Quem Vai Ganhar: Eu suspeito que haverá uma reviravolta surpreendente nessa categoria, Dêem as boas-vindas ao novo vencedor do Oscar Bradley Cooper. -- CR

Quem Merece Ganhar: Jake Gyllenhaal, que criou o personagem original mais dinâmico do ano. Mas ele não foi indicado porque vivemos em um era de filmes biográficos, e apesar das interpretações impressionantes de Eddie Redmayne, Benedict Cumberbatch e Steve Carell, eu prefiro ver Michael Keaton levar o prêmio por dar vida à Riggan Thomson – um homem amargo e agitado.

Quem Vai Ganhar: Não acredito que uma terceira perda consecutiva para Bradley Cooper fará com que ele entre para a turma do “já deveria ter ganho”. (Se ele não ganhar, é só esperar até o ano que vem. O cara já está praticamente confirmado para outro filme de David O. Russell que quase certamente receberá indicação.) Mas eu acho que o prêmio será de Keaton, que venceu no Golden Globes e teve o retorno vitorioso – diferente de Reese Witherspoon – e lembrou aos que votaram que já fazia muito tempo que o ignoravam. -- MJ

Melhor Diretor

Wes Anderson ("O Grande Hotel Budapeste"), Richard Linklater ("Boyhood: Da Infância À Juventude"), Alejandro Gonzalez Iñárritu ("Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância "), Bennett Miller ("Foxcatcher – A História Que Chocou O Mundo"), Morten Tyldum ("O Jogo Da Imitação")

Quem Merece Ganhar: Richard Linklater passou 12 anos filmando "Boyhood." Merece ganhar todos os Oscars.

Quem Vai Ganhar: Apesar do apoio para "Boyhood" ter diminuído nos últimos meses, ainda acho que Linklater leva vantagem sobre Alejandro Gonzalez Iñárritu. Digamos que é um pressentimento. -- CR

Quem Merece Ganhar: A visão Richard Linklater para "Boyhood" já é incrível, mas o fato dele ter executado o projeto da maneira que ele fez é uma das grandes realizações do cinema contemporâneo.

Quem Vai Ganhar: Qual maravilha tecnológica irá perdurar: um filme feito ao longo de 12 anos, ou um take ininterrupto de duas horas? Apesar da grande simpatia por Richard Linklater, a sensação é que "Boyhood" foi o filme que marcou o ano, enquanto que "Birdman" se destaca pela magia tecnológica. Já viu esse filme antes? Lembra a vitória de Alfonso Cuarón como Melhor Diretor por “Gravidade” ano passado enquanto “12 Anos De Escravidão” ganhou por Melhor Filme. Eu aposto que Alejandro Gonzalez Iñárritu será o vencedor. Ele ganhou o prêmio do Directors Guild, que tem um taxa de previsão de 90 por cento para essa categoria. -- MJ

Melhor Filme

"Sniper Americano", "Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância ", "Boyhood: Da Infância À Juventude", "O Grande Hotel Budapeste", "O Jogo Da Imitação”, "Selma," "A Teoria De Tudo" e "Whiplash – Em Busca Da Perfeição".

Quem Merece Ganhar: Se o mundo fosse um lugar justo, a disputa de Melhor Filme ficaria entre "Boyhood" e "Selma" com "Birdman" conquistando um respeitável terceiro lugar. No mundo real, "Birdman" é o favorito para Melhor Filme, deixando os outros dois filmes para trás. Mas a questão aqui é quem merece ganhar, e aí seria"Boyhood", um filme que consegue capturar a essência da maturidade melhor até do que revisitar a evolução do seu perfil no Facebook.

Quem Vai Ganhar: "Birdman" ganhou tantos prêmios que eu perdi as contas. É um filme que trata do poder do cinema. Será o vencedor de Melhor Filme de 2015. -- CR

Quem Deveria Ganhar: "Selma" nos emociona, "Birdman" é inteligente e "O Grande Hotel Budapeste" é abrangente – mas "Boyhood" é o filme definitivo de 2014. É inteligente sem ser pretensioso, como o qual nos identificamos mas que mesmo assim se mantém original e autêntico. Se outro filme ganhar, é porque a Academia não conseguiu enxergar isso.

Quem Vai Ganhar:"Boyhood" toca as emoções o suficiente para fazer com que todos os prêmios conquistados por "Birdman" sejam apenas um menção de rodapé nessa temporada de premiações. Sabemos que muitas vezes é o sentimento que vence quando se trata do Oscar (veja: "O Discurso Do Rei” ao invés de “A Rede Social”, "Shakespeare Apaixonado" ao invés de "O Resgate Do Soldado Ryan", "Forrest Gump" ao invés de "Pulp Fiction"). -- MJ

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

Entenda todos os termos usados no Oscar

Oscar 2015: (Quase) Todos os indicados em apenas uma foto

Oscar 2015: 8 coisas que você precisa saber sobre o Oscar 2015 (FOTOS e GIFS)